quarta-feira, 31 de julho de 2013

Crevisa oferece animais recolhidos em Divinópolis, MG, para adoção

31/07/2013
Todos animais estão castrados e vacinados.
Interessados devem procurar a sede do Crevisa.
Do G1 Centro-Oeste de Minas


Cães já podem ser adotados
(Foto: Carol Tavares/ Divulgação )
O Centro de Referência de Vigilância em Saúde Ambiental (Crevisa) está oferecendo alguns animais, que foram abandonados e recolhidos, para adoção. No total são 12 animais que foram castrados e vacinados. Os que se encontravam doentes foram recolhidos, tratados e estão em bom estado de saúde.
Segundo a coordenadora do Crevisa, Ana Caroline Tavares, a ideia de disponibilizar os cães para a adoção surgiu devido ao grande número de cães que têm sido retirados das ruas. “A sede do Crevisa não tem espaço para abrigar muitos animais, e por isso alguns estão aptos para a adoção.”, afirmou Ana Carolina.

Os interessados  podem procurar a sede do Crevisa que está localizado na MG -050, km 6, estrada de acesso às Chácaras Beira Rio, nº 1.001, sentido Getsêmani, de 8h às 10h30 e de 12h às 15h30.

Mais informações podem ser obtidas na Diretoria de Vigilância em Saúde, através dos telefones (37)3221-8778 ou 3221-8790.

Fonte: http://g1.globo.com/mg/centro-oeste/noticia/2013/07/crevisa-oferece-animais-recolhidos-em-divinopolis-mg-para-adocao.html

Tartarugas presas em rede são encontradas mortas em Barra de Jangada

RANDE RECIFE // JABOATÃO DOS GUARARAPES
Publicado em 31.07.2013

Tartarugas eram da espécie verde, em extinção
Foto: Adriano Artoni / Divulgação

Do NE10
Duas tartarugas fêmeas da espécie verde - em extinção - foram encontradas mortas por moradores de Barra de Jangada, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, no final da manhã desta quarta-feira (31). Segundo populares, os dois animais foram abandonados por pescadores que colocaram redes de captura nas imediações do local.

A maior das duas tartarugas media 90 cm de comprimento, 60 cm de largura e pesava cerca de 40 quilos. Já a menor pesava, em média, 15 quilos, e media 60 cm de comprimento e 40 cm de largura. Segundo o ambientalista voluntário Adriano Artoni, responsável pela captura, os animais morreram por afogamento, já que ficaram presos na rede dos pescadores.

As duas foram levadas para o departamento de Morfologia e Fisiologia Animal da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), onde passarão por análises de anatomia.



http://ne10.uol.com.br/canal/cotidiano/grande-recife/noticia/2013/07/31/tartarugas-presas-em-rede-sao-encontradas-mortas-em-barra-de-jangada-433983.php

Portugal: Associação “Animal” fica com cão que matou criança em Beja

Rádio Pax - 01/08/2013 -

Associação “Animal” fica com cão que matou criança em Beja

 
Uma juíza do Tribunal Administrativo e Fiscal de Beja deu provimento ao recurso da associação “Animal” e entregou à instituição o cão arraçado de pitbull que, em Janeiro, matou um bebé de 18 meses em Beja.

Apesar da decisão ser provisória, a associação já anunciou que vai buscar o cão, chamado Zico, ao CAGIA - Canil Intermunicipal da ResiAlentejo onde se encontra, e vai chamar-lhe Mandela.
“Vamos chamá-lo Mandela, porque tal como o líder sul-africano este cão também é um símbolo de liberdade. Esteve preso sete meses sem saber porquê, tal como Mandela esteve preso mais de duas décadas”, disse Rita Silva, dirigente da Associação, citada pelo jornal PUBLICO.

O animal, segundo a mesma responsável, vai para um hospital fazer um check-up geral e poderá ser acompanhado por um especialista em recuperação de animais agressores.

O cão fica ao cuidado da "Animal" até ser julgada a acção principal, ainda sem data marcada, acrescenta o PUBLICO.
Foto: Diário do Alentejo



http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=1551

terça-feira, 30 de julho de 2013

Campanha de castração gratuita começa em agosto em Tapiraí, SP

30/07/2013
Inscrições devem ser feitas entre os dias 19 e 23 de agosto.
Fêmeas de cães e gatos terão prioridade.
Do G1 Sorocaba e Jundiaí

Campanha começa em agosto
(Foto: Reprodução/TV Mirante)
Começa em agosto a campanha de castração gratuita realizada pela Prefeitura Municipal de Tapiraí (SP) e pelo Instituto Nacional da Proteção Animal e Meio Ambiente (INPAMA CG).
As inscrições devem ser feitas entre 19 e 23 de agosto na Vigilância Sanitária de Tapiraí, localizada na rua Armando Simões Grazina, 146, no Teto I, atrás da Santa Casa. O horário de atendimento é das 8h às 17h.
Para realizar a inscrição, a pessoa responsável pelo animal deve levar RG, CPF e comprovante de residência. Na primeira fase, 100 animais serão castrados.  As fêmeas de cães e gatos terão prioridade.
O objetivo é diminuir o número de animais abandonados e a proliferação de zoonoses, doenças e infecções transmitidas para o homem por meio dos animais. Mais informações pelo telefone (15) 3277-1144.

http://g1.globo.com/sao-paulo/sorocaba-jundiai/noticia/2013/07/campanha-de-castracao-gratuita-comeca-em-agosto-em-tapirai-sp.html

'Gata clandestina' embarca sem querer nas Filipinas e acaba nos EUA

30/07/2013
'Pinay' acabou por acidente em barco saído de Manila.
Animal de 4 anos foi encontrado apenas em Los Angeles, na Califórnia.
Do G1, em São Paulo

Uma gata de 4 anos de idade, apelidado de “Pinay”, acabou virando uma “imigrante ilegal” ao acabar por acidente em um barco saído de Manila, nas Filipinas, com destino a Los Angeles, na Califórnia (EUA).
O bichano, descrito como uma gata doméstica, foi encontrado desidratado, mas, após ser acolhido, recebeu os cuidados necessários e passa bem.
O animal está em poder do Departamento de Controle e Cuidado de Animais de Los Angeles, que procura o dono do animal.

'Pinay' acabou embarcando por acidente em um barco que saiu das Filipinas e acabou em Los Angeles, nos EUA (Foto: County of Los Angeles Department of Animal Care and Control)

http://g1.globo.com/planeta-bizarro/noticia/2013/07/gata-clandestina-embarca-sem-querer-nas-filipinas-e-acaba-nos-eua.html

Criador de Os Simpsons investe fortuna em prol de animais

30/07/2013 --
Médicos deram de três a seis meses de vida para Sam Simon
Redação Bonde


Um dos criadores do seriado "Os Simpsons", Sam Simon está sofrendo de um câncer terminal e decidiu usar suas energias e tempo para trabalhar em prol de uma boa causa. Aos 58 anos de idade, ele investe toda sua fortuna para lutar pelos direitos dos animais. As informações são do site "The Hollywood Reporter".

"Isso me dá alegria. Eu amo, não parece uma obrigação", disse em entrevista à publicação.

Simon já passou por algumas cirurgias e quimioterapia, mas os médicos lhe deram de três a seis meses de vida.

Por isso, ele aproveita o tempo para garantir o bem-estar dos animais com ações que visam acabar com circos que maltratam os bichos e construir abrigos para animais abandonados.

http://www.bonde.com.br/?id_bonde=1-1--102-20130730

Obras em avenida de Manaus causam desequilíbrio ambiental e prejudicam a espécie mais ameaçada da fauna amazônica

A construção da Avenida das Flores causa a derrubada de mata, isola grupos de sauins de coleira e causa desequilíbrio ecológico na Zona Norte de Manaus
Manaus, 30 de Julho de 2013
ACRITICA.COM
Máquinas trabalham para a construção da avenida das Flores, expansão da avenida das Torres, na zona norte de Manaus

Máquinas trabalham para a construção da avenida das Flores, expansão da avenida das Torres, na zona norte de Manaus (Monica Solorio)
Há duas semanas a vida de um grupo de seis sauins-de-coleiras que vive no bairro Nova Cidade, na Zona Norte, mudou drasticamente. De um imensa mata disponível para seu deslocamento, sua área foi reduzida a um pequeno fragmento ao lado da casa da técnica em eletrônica Suelen Fonseca, 40, moradora da rua 18-A , quadra 1, do Nova Cidade. Agora, eles estão isolados e acuados. Nos últimos dias eles também andam assustados e pouco animados para sair das copas das árvores que ainda existem pela área.

Mais do que nunca os sauins-de-coleira (que agora são oito, pois há dois filhotes novos na família dos animais) dependem de Suelen e de sua família para sobreviver. É ela quem todos os dias aguarda ou chama os animais para lhes dar comida. O sauim-de-coleira é a considerada a espécie da fauna amazônica mais ameaçada de extinção.


Leia mais

Portugal: Presidente da Câmara de Viana do Castelo recebe abaixo-assinado de vianenses anti touradas

Publicado por Gerson Ingrês

VIANA DO CASTELO – O Presidente da Câmara Municipal de Viana do Castelo, José Maria Costa, recebeu ontem das mãos de uma dezena de vianenses um abaixo-assinado com mais de 1500 assinaturas onde se reclama a aprovação, em Assembleia Municipal, do Regulamento Municipal de Proteção de Animais, aprovado pela autarquia.


Os “residente e domiciliados” em Viana do Castelo solicitam que Viana do Castelo disponha “de um mecanismo jurídico mais eficiente na promoção do bem estar-animal e na salvaguarda contra atos ou práticas sobre animais que não são compatíveis com o do desenvolvimento civilizacional ou cultural dos povos que integram a União Europeia”.

Os representantes do movimento que se apresenta contra as touradas em Viana do Castelo “reclamam uma cidade bela, limpa e progressiva, livre de espetáculos cruéis, indignos de uma sociedade moderna e civilizada, como as corridas de touros´, o que só poderá ser alcançado através da aprovação da Assembleia Municipal do Regulamento Municipal de Proteção de Animais”.

O autarca, que recebeu os vianenses, sublinhou que esta é uma das formas dos vianenses demonstrarem que não querem touradas em Viana do Castelo, sendo que a autarquia reafirma que é sua intenção impedir a realização deste tipo de espetáculo, prevista já para o próximo mês de Agosto.

http://local.pt/presidente-da-camara-de-viana-do-castelo-recebe-abaixo-assinado-de-vianenses-anti-touradas/

segunda-feira, 29 de julho de 2013

(testes em animais) Talidomida continua a causar defeitos físicos em bebês no Brasil

Nota: lembram do medicamento talidomida que foi testado e ratos e não deu problemas nos testes em animais?
---------------------------------------------------------------
Talidomida continua a causar defeitos físicos em bebês no Brasil 15
BBC
28/07/2013
BBC

Caixa do remédio talidomida traz alertas, como uma imagem de um bebê nascido com deficiências

Um estudo ao qual a BBC teve acesso exclusivo mostra que o uso da talidomida continua a causar defeitos físicos em bebês nascidos no Brasil.

A polêmica droga é distribuída na rede pública para tratar pessoas com hanseníase - doença antigamente chamada de lepra, causada pelo bacilo de Hansen, o Mycobacterium leprae, que ataca nervos periféricos e a pele.

Mas algumas mulheres, por desconhecerem seus riscos, têm tomado o medicamento no Brasil durante a gestação.

Leia mais

Fabricante de ração pede desculpas após ser acusada de patrocinar rinhas entre cães e ursos na Ucrânia

Notícias /Internacional
29/7/2013
Fabricante de ração pede desculpas após ser acusada de patrocinar rinhas entre cães e ursos na Ucrânia
A fabricante francesa de ração animal Royal Canin foi acusada pela ONG Four Paws (quatro patas, em tradução livre) de patrocinar o evento
Do R7

No vídeo da Four Paws, dois cães aparecem perseguindo e mordendo o urso, que está acorrentado a uma árvore

Reprodução/huffingtonpost.co.uk

A fabricante francesa de ração animal Royal Canin foi acusada pela ONG Four Paws (quatro patas, em tradução livre) de patrocinar um evento na Ucrânia que promoveu uma rinha entre cães e um urso.

Segundo o jornal britânico The Huffington Post, o nome da empresa foi envolvido no caso após donos de cães que venceram as lutas terem recebido troféus com o logotipo da Royal Canin.


Leia mais

Polêmica: tratar ou não a leishmaniose

29/07/13 05:00 - Geral

No meio do debate sobre tratamento ou sacrifício, clínicas veterinárias continuam a atuar
Tisa Moraes
De um lado, uma decisão judicial. De outro, as autoridades de saúde. Em meio à polêmica sobre tratar ou sacrificar cães infectados por leishmaniose, clínicas veterinárias de Bauru, em sua maioria, atendem o desejo dos donos dos animais.
Aceituno Jr.

A eutanásia ou o tratamento de cães doentes continua sob polêmica no País
De cinco consultórios contatados anonimamente pelo JC, todos informaram realizar o tratamento de cães doentes. O assunto está no centro de um embate entre o Tribunal Regional Federal (TRF), que autorizou médicos veterinários a cuidar dos animais, e o Ministério da Saúde, que condena a prática.

Em Bauru, a Secretaria Municipal de Saúde informou que continua seguindo as orientações da União. Mas, nas clínicas consultadas pela reportagem, o tratamento vem sendo realizado normalmente, inclusive, com o uso de medicamentos destinados a humanos.

Há ainda a opção pela chamada imunoterapia, em que são aplicadas vacinas duplamente concentradas pelo resto da vida do cão, já que, para eles, a leishmaniose não tem cura. O custo do procedimento no mês inicial, somando a consulta, exame de sorologia para confirmar a doença e primeiras aplicações, pode chegar a R$ 700,00. Um preço que muitos proprietários de cães estão dispostos a pagar.

A permissão para o tratamento foi dada por uma decisão do TRF da 3ª Região, em São Paulo, em 16 de janeiro deste ano. O acórdão assinado pelo desembargador federal André Nabarrete, que possui abrangência nacional, considerou ilegal a Portaria Ministerial 1426/2008-MAPA, que até então proibia a utilização de medicamentos de uso humano ou qualquer outro, já que nenhum está registrado no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento para o tratamento de cães com esta patologia.


Afronta

A orientação, até então, vinha sendo pela eutanásia dos animais infectados. Mas, no entendimento do desembargador, cabe ao veterinário decidir pela utilização de medicamentos – sejam eles de uso humano ou não - e de materiais para tratar o animal de estimação. O sacrifício se tornou ilegal à medida que viola a liberdade de exercício da profissão destes especialistas.

Para o TRF, ao restringir os mecanismos de direito à vida dos cães, a Portaria Ministerial também afrontava a legislação protetiva do meio ambiente e a Declaração Universal dos Direitos dos Animais, assinada em Bruxelas, em 1978. Desta forma, de acordo com o tribunal, profissionais, empresas ou órgãos que se negarem a oferecer tratamento aos cães doentes ficam sujeitos às penalidades previstas pela Lei de Crimes Ambientais.

Em contraposição, o Conselho Federal de Medicina Veterinária reforçou, após a publicação do acórdão, que o profissional incorrerá em infração ética se medicar qualquer animal, sob risco de ter o direito do exercício profissional cassado. O repúdio ao tratamento é compartilhado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), pelo município de Bauru e pelo Ministério da Saúde, que já ingressou com recurso contra a decisão em março deste ano.

“A recomendação, em todos os casos, é pela eutanásia, mas trata-se de um impasse que ainda terá de ser discutido”, resume o titular da Secretaria Municipal de Saúde, Fernando Monti.


Prática condenada pelas autoridades

Como argumento para condenar o tratamento, as autoridades de saúde destacam o fato de a doença não ter cura para cães, que continuam sendo fonte de infecção para o inseto transmissor, o mosquito de palha ou birigui. Se picar o animal infectado, poderá transmitir a doença a humanos, o que representa um grande risco à saúde da população.

Outra preocupação é a possibilidade de o uso indiscriminado dos medicamentos em animais diminuir a eficiência do tratamento para os humanos, já que estudos teriam comprovado que o protozoário Leishmania chagasi, transmitido pelo mosquito palha, pode se tornar resistente às drogas disponíveis. Somente neste ano, 13 pessoas contraíram Leishmaniose Visceral Americana (LVA) em Bauru, sendo que uma morreu. Em 2012, foram totalizados 35 casos da doença e três óbitos.



O que é leishmaniose?

Trata-se de uma doença infectocontagiosa transmitida pela picada do mosquito flebótomo (também conhecido como “birigui” ou “mosquito de palha”) infectado, introduz na circulação do animal ou do homem o protozoário Leishmania chagasi. Pode ser desenvolvida em cães ou homens. Nos cães, os sintomas são: atrofia muscular, falta de apetite, diarreia, lesões oculares, sangramentos, descamação da pele, úlceras e nódulos na pele.

Mesmo infectado, um cão ou homem não transmite a doença para outros animais ou outras pessoas. O mesmo ocorre com humanos. A transmissão do parasita ocorre apenas por meio da picada do mosquito fêmea infectado.



Cão tratado há 4 anos

Antes de a decisão do Tribunal Regional Federal (TRF) autorizar o tratamento de cães infectados por leishmaniose, uma manicure de 53 anos, que preferiu não se identificar, conseguiu tratar seu animal de estimação.

O cachorro, da raça poodle, tinha seis anos de idade quando contaminado pela doença, em 2009, quando a Portaria Ministerial 1426/2008-MAPA ainda estava em vigor. “Meu veterinário indicou tratamento com alopurinol e disse que muitos cães conseguiam uma sobrevida de mais cinco anos. A medicação era diária e o meu respondeu bem ao tratamento por dez meses, mas acabou morrendo em consequência da doença”, lembra.



Unesp elaborou estudo sobre tratamento

Estudo realizado pela Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Estadual Paulista (Unesp) de Araçatuba mostrou que um medicamento desenvolvido no Brasil e batizado de P-MAPA melhorou o estado clínico e a imunidade de cães com leishmaniose. Segundo os pesquisadores, a droga poderia ser usada como adjuvante no tratamento convencional.

Para a pesquisa, que contou com apoio da Fapesp, foram selecionados 20 animais que apresentavam pelo menos três sinais característicos da doença. Após a confirmação do diagnóstico, os cães foram separados em dois grupos. Metade foi tratada com injeções intramusculares de P-MAPA (abreviação de agregado polimérico de fosfolinoleato-palmitoleato de magnésio e amônio proteico) durante 45 dias. A outra metade recebeu apenas placebo durante o mesmo período.

“O grupo tratado apresentou uma clara melhora clínica, especialmente relacionada ao ganho de peso e massa muscular, recuperação das lesões cutâneas e crescimento de pelos em áreas de alopecia. Também analisamos uma série de parâmetros para ver se a imunidade celular havia aumentado”, conta Valéria Marçal Felix de Lima, professora da Faculdade de Medicina Veterinária da Unesp e coordenadora da pesquisa.


 http://www.jcnet.com.br/Geral/2013/07/polemica-tratar-ou-nao-a-leishmaniose.html

(RS) Evento para discute a ética para com os animais

No próximo dia 16 de agosto, às 19h, no plenário da Câmara Municipal do Rio Grande, será realizado o 2º Evento de Ética Animal em Rio Grande. O evento contará com duas palestras, a primeira tem como título a Adequação nutricional na dieta vegetariana, ministrada pela nutricionista Mariana Scarpelli, que vem de São Paulo e é especializada em nutrição vegetariana. A segunda palestra abordará os Princípios dos direitos animais, e será ministrada por Rafael Bán Jacobsen, mestre em Física, professor (Ufrgs) e escritor.

O evento é promovido pelo Grupo de Abolição do Especismo (GAE) com o apoio da Câmara de Vereadores do Rio Grande e do Ministério Público. A entrada é franca e quem quiser certificado deve fazer a solicitação pelo e-mail: gaeriogrande@hotmail.com ou telefones (53) 8454.6826, 3232.9588.

Leia mais

Marca de rações é acusada de patrocinar luta de cães e ursos

29/07/2013 -

A marca de rações Royal Canin foi alvo de um escândalo após troféus com o logotipo da empresa terem sido entregues a proprietários de cães que venceram lutas ilegais contra ursos na Ucrânia, de acordo com informações do Huffington Post.

Vídeos mostram ursos que tiveram suas garras arrancadas amarrados a uma corda, a mercê dos ataques dos cães. Os cachorros não são capazes de matar os ursos, mas conseguem provocar enormes ferimentos nos animais. Nesses mesmos vídeos, o logotipo da empresa é visto em dois troféus concedidos aos vencedores.

Leia mais

(EUA) Mulher é presa por matar cachorro queimado

27/07/2013

DM.COM.BR
BRUNA CARNEIRO
Uma mulher foi presa na última quinta-feira (25), em St. Louis, no estado de Missouri, nos Estados Unidos, por matar um cachorro queimado. O crime foi cometido no dia 10 deste mês, logo após ela divulgar no Facebook que tinha a intenção de queimar o animal.

De acordo com o jornal 'St. Louis Today', Adrienne Martin, de 35 anos, matou o animal porque ele mordeu o seu filho um dia antes do crime. Adrienne amarrou o animal a uma corrente e ateou fogo nele.



A dona do cachorro, cunhada da autora do crime, ligou para a polícia e o animal foi encaminhado para um abrigo. O cachorro teve queimaduras em todo o corpo, principalmente na cabeça.

A mulher responderá ao crime de abuso contra animais e pode pegar até quatro anos de prisão. A fiança para que ela responda o processo em liberdade é de US$ 50 mil (cerca de R$ 112,8 mil).



http://arquivo.dm.com.br/texto/gz/132351

domingo, 28 de julho de 2013

Polícia prende sete caçadores com armas e animal abatido no ES

28/07/2013
Polícia prende sete caçadores com armas e animal abatido no ES
Homens não tinha autorização para caçar em Conceição da Barra.
Todos os detidos foram encaminhados para o DPJ de São Mateus.
Do G1 ES
Sete caçadores foram presos em flagrante pela Polícia Ambiental com armas e um animal morto, na madrugada deste domingo (28), na região do Córrego Angelim, em Conceição da Barra, Norte do Espírito Santo. Três deles estavam em motocicletas, mas não tinha carteira de habilitação, segundo os militares. Todos os detidos foram conduzidos para o Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de São Mateus, na região, junto com todo o material apreendido.

Leia mais

sábado, 27 de julho de 2013

Deus não ajuda os animais... Pessoas, sim...


Jovem vai parar na delegacia por maltratar cavalo em Mundo Novo

27 de Julho de 2013
Fonte: Lúcio Borges
O jovem Anderson da Fonseca de Franca, 18 anos, foi preso no fim da noite desta sexta-feira (26) por maus tratos a animais. Ele, foi denunciado por populares, que viram maltratando um cavalo, em frente a uma farmácia, no centro de Mundo Novo, a 462 km de Campo Grande. O rapaz acabou sendo detido pela Polícia Militar Ambiental por crueldade contra animais, que até nem pertencia ao mesmo.

O jovem estava montado no cavalo, visivelmente debilitado, quando a policiais da PMA chegaram para ver a ocorrência. Em razão aos maus tratos praticados pelo acusado, o animal estaria cansado, suado e mancando.

Diante da situação, os militares elaboraram a documentação necessária e encaminharam o autor até a delegacia de polícia da cidade. O autor informou que não seria dono do cavalo, que ele era de um amigo.

Exames

Com isso, o animal permaneceu no 2° GPMA (Grupamento da Polícia Militar Ambiental) de Mundo novo, para avaliação do médico veterinário. Em seguida, o cavalo deverá ser encaminhado ao seu legítimo proprietário.

http://www.acritica.net/index.php?conteudo=Noticias&id=93299

Filme mostra captura de filhotes e história da orca que matou sua treinadora no SeaWorld de Orlando

O que o documentário “The Cove”, vencedor do Oscar de 2009, fez contra a matança de golfinhos no Japão, o documentário “Blackfish”, lançado esta sexta-feira (26) Estados Unidos, deve repetir em defesa das orcas que vivem em cativeiro e participam de apresentações em parques de diversões.


AP Photo/Magnolia Pictures
Tilikum em apresentação no SeaWorld, antes da tragédia de 2010

O filme explora o que deve ter levado a orca Tilikum, de cinco toneladas, a matar três pessoas, incluindo a treinadora veterana do SeaWorld Dawn Brancheau, em 2010.


A notícia da morte de Dawn durante o show do SeaWorld em Orlando inspirou a diretora Gabriela Cowperthwaite a explorar o fato mais profundamente. Primeiro o SeaWorld afirmou que a treinadora tinha escorregado e caído, mais tarde, o parque afirmou que Tilikum tinha se assustado com o rabo de cavalo de Dawn.

Leia mais

Cavalo passa dia amarrado sem água e alimento em estrada

Animal foi "resgatado" com fome e sede à noite (José Luiz Lançoni)
Votuporanga Tudo

Um caso de maus-tratos contra um cavalo foi registrado na noite de ontem (26/7) em Votuporanga.

O animal foi encontrado amarrado em uma estaca de cerca na estrada municipal “Sambra”, na saída para o bairro rural Cruzeiro.

Segundo a testemunha que denunciou o caso à Polícia Militar, o animal passou o dia no local sem comida nem água.

A reportagem do www.votuporangatudo.com.br constou no local que a corda curta apertava o pescoço do cavalo.

Por volta das 20 horas, quando o animal foi “libertado” por policiais militares, começou a pastar freneticamente na vegetação às margens da estrada.

Carinho

“Campeão” – como foi batizado pelos policiais – foi resgatado pela equipe do Centro de Zoonozes e levado ao abrigo, onde recebeu alimentação, água e cuidados veterinários.

Se o dono for identificado responderá pelo crime de maus-tratos, com pena de até 2 anos de reclusão.

http://www.regiaonoroeste.com/portal/materias.php?id=49768

A ordem é não matar

28/12/2012
Comandante-geral da PM, coronel Edson Costa reuniu-se com o ambientalista A.C. Volpone e com o empresário Álvaro Barbosa e afirmou ter determinado a suspensão da execução de animais apreendidos nas rodovias goianas

DIÁRIO DA MANHÃ
ANDERSON KIYOAKI
Álvaro Barbosa, proprietário da Adubos Catalão – Aducat, empresa que transforma resíduos em fertilizantes, concedeu entrevista exclusiva ao DM, publicada na edição de 17 de dezembro, denunciando um grave problema, a matança de animais na rodovia GO- 020. Segundo a denúncia, por determinação do capitão PM Albernaz, o gado solto às margens da rodovia era abatido pelos policiais subordinados ao oficial.

Após a publicidade dos fatos, o comando geral da PM-GO rapidamente se prontificou em dar uma resposta à sociedade e marcou reunião entre o relações públicas da ONG Guerreiros da Natureza, A. C. Volpone, o empresário Álvaro Barbosa e o comandante-geral da PM- GO, coronel Edson Costa, para deixar claro o posicionamento da Polícia Militar do Estado de Goiás: está suspensa a matança, a ordem do comando geral da PM é não matar. Durante as discussões, o coronel Edson Costa fez questão de frisar que o que aconteceu em Catalão foi um equívoco, mesmo que a decisão de sacrificar os animais seja o cumprimento de um termo de ajustamento de conduta entre a 1ª CIPM e o Ministério Público, celebrado depois de discutir o problema com os produtores rurais da região, o sacrifício não é a solução para o problema. O comandante deixou claro que vai se reunir com seus auxiliares para encontrarem uma solução alternativa.

Leia mais

sexta-feira, 26 de julho de 2013

(vídeo) Cavalo é abandonado em terreno baldio e morre de hipotermia

26/07/2013
Animal foi encontrado amarrado e com sinais de desidratação e anemia.
Termômetros têm marcado temperaturas próximas a 0º C em Foz do Iguaçu.

Um cavalo de cerca de 15 anos morreu na madrugada desta sexta-feira (26) em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, depois de ser abandonado e passar três dias amarrado a uma árvore em um terreno baldio na Avenida Costa e Silva, próximo à rodoviária da cidade. Segundo a Guarda Municipal (GM), o animal tinha sinais de maus-tratos e apresentava sintomas de anemia severa, de desidratação e de hipotermia. Desde segunda-feira (22), os termômetros na fronteira têm registrado temperaturas próximas de 0º C.
Um veterinário da Secretaria de Agricultura foi chamado para diagnosticar e tratar o cavalo, mas o animal não resistiu. “Ele claramente foi usado até a exaustão e descartado”, apontou o diretor da GM, Cleomar Farias. “Durante a tarde e a noite de ontem [quinta-feira], fizemos tudo o que pudemos. Ele foi protegido do frio e medicado. Populares informaram que o animal estava havia três dias naquelas condições. Por isso, é importante que nos acionem assim que souberem de casos como este.”
Leiam mais e vejam o vídeo

Engenheiro pesca molusco raríssimo, mas só toma consciência da descoberta após comer o animal

Segundo polvo de seis tentáculos já registrado no mundo é frito e servido com limão na Grécia

Estado de Minas
Publicação: 26/07/2013
Engenheiro mergulhava com os filhos quando pescou polvo de seis tentáculos (Labros Hydras/Arquivo Pessoal/Reprodução)
Engenheiro mergulhava com os filhos quando pescou polvo de seis tentáculos

O engenheiro mecânico Labros Hydras, de 49 anos, mergulhava com os dois filhos no Mar mediterrâneo, na península de Pelion, na Grécia, quando pescou um polvo. Seguindo uma tradição culinária local, ele esmagou o animal contra uma pedra antes de fritá-lo e comê-lo com limão. O que o homem não sabia é que o molusco era o segundo descoberto oficialmente no mundo com apenas seis tentáculos (a espécie tem, por via de regra, oito membros).

Hydras descobriu que o polvo não era um exemplar comum por acaso: após o mergulho, o animal foi levado a um restaurante perto da praia, para que fosse frito. Atento, o responsável pela cozinha recusou o pedido e advertiu sobre o número de tentáculos. Porém, naquele momento, o engenheiro não deu importância à constatação e acabou preparando e comendo a criatura em outro lugar. Só depois ele acessou a internet e tomou consciência da raridade do molusco.

Leia mais

Moradores se mobilizam tentando salvar cavalo vítima de abandono em Foz

Publicada em: 26/07/2013 -
 Durante toda a tarde de quinta-feira (25), diferentes órgãos da prefeitura receberam várias ligações de moradores denunciando que um cavalo estaria agonizando, vítima de maus tratos. O animal estava caído em um terreno na Avenida Costa e Silva, próximo a rodoviária de Foz do Iguaçu. Segundo moradores próximos, o cavalo havia sido amarrado em uma árvore, onde permaneceu durante dois dias sem tratamento. Com a falta de comida, bebida e o intenso frio dos últimos dias, o animal ficou debilitado até cair e não conseguir mais se levantar, morrendo por volta das 22h de ontem. Fotografias do animal começaram a ser compartilhadas nas redes sociais da internet, com o objetivo de mobilizar as autoridades para cuidarem do caso. No início da noite, o chefe da Guarda Municipal, Cleomar Farias, esteve no local para atender a ocorrência, entrando em contato com os setores públicos competentes. Enquanto o atendimento não chegava, os moradores tentaram amenizar o sofrimento do animal, cobrindo com cobertores e lonas. A jovem Carolina Bertoldi, foi a primeira a denunciar o abandono, chamando a Polícia Militar, Guarda Municipal e Polícia Florestal. Ela ainda postou fotos do cavalo no Facebook, momento onde o descaso tomou uma proporção maior. O veterinário da prefeitura, Térbio Moreira, foi chamado para atender o animal. Segundo ele, o cavalo estava sub-desnutrido, com anemia e hipotermia, causado pelo frio. Também esteve no local o secretário de Agricultura do Município, João Matievisk, dizendo que o maior problema é identificar o proprietário desse animal, responsável pelo abandono.   Outra moradora que ajudou no caso levando água e cobertores, Marcele Barrocos, se mostrou indignada e protestou contra o que ela chama de descaso, criticando o ato do carroceiro.  Fonte:Cultura Foz
Mais fotos

Créditos: Guia Medianeira - www.guiamedianeira.com.br

Gata apreendida com celulares em penitenciária de Getulina é adotada

Moradora de Campinas viajou 4 horas para buscar o animal em Lins.
Depois da apreensão,a gata recebeu tratamento em uma ONG.
Mariana Bonora
Do G1 Bauru e Marília

Gata Penny foi adotada por família que mora em Campinas (Foto: divulgação/ ONG Refúgio PET )
Pouco mais de um mês depois de ser apreendida com celulares colados ao corpo na porta de uma penitenciária em Getulina (SP), a gatinha que recebeu o nome de Penny foi adotada por uma moradora de Campinas (SP). Priscila Gonçalves viu a matéria da apreensão do animal na TV e desde então demonstrou o interesse em adotá-la. Após a apreensão, a gata, que teve parte dos pelos da barriga raspados por causa da cola da fita adesiva que prendia os aparelhos celulares, foi encaminhada para cuidados na ONG Refúgio PET em Lins (SP).

“Eu nem me dei conta que a gatinha estava em Lins, quando vi a notícia me sensibilizei com a situação dela e fui procurar informações sobre a ONG e disse que gostaria de adotá-la”, conta Priscila. Antes da adoção, a gatinha ficou em um lar temporário, com voluntários da ONG.

Leia mais

quinta-feira, 25 de julho de 2013

São Sebastião do Caí: Cachorro mais popular da cidade é vítima de agressão covarde

São Sebastião do Caí - Terça-Feira, 23 de Julho de 2013 - Hora:20:29
Cachorro mais popular da cidade é vítima de agressão covarde
Agressor, que jogou uma pedra na cara de Billi, vai responder na justiça, por crime ambiental


Billi está bem, mas não deve voltar para a praça
Um cão, há alguns anos, vem conquistando a simpatia dos caienses. Ele é um cachorro de rua, sem dono, mas tornou-se muito conhecido desde que adotou a praça central da cidade como sua residência.

Billi é muito simpático e comunicativo. Conquistou a todos com a sua mansidão e afetividade. Os moradores da vizinhança lhe dão comida, assim como os donos de lancherias, e ele tem passado muito bem. Gosta tanto de pessoas que as acompanha até quando elas vão à missa. E ninguém o expulsa de dentro do templo.

Ele gosta das pessoas e elas gostam dele. Mas, infelizmente, os humanos não são todos iguais.
Na última sexta-feira, as cinco da tarde, dois moradores da vizinhança estavam na praça, conversando e curtindo o sol. Billi, como de costume, deitou no piso, perto deles.

De repente apareceu um rapaz com uma grande pedra na mão. Sem dizer nada ele se dirigiu até onde estava o cachorro e atirou a grande pedra contra o animal indefeso.

Os dois homens ficaram espantados com o ocorrido e questionaram o agressor. Ele disse que Billi o havia derrubado naquela manhã quando ele passara pelo local com a sua moto.

Depois da pedrada, Billi saiu correndo do local e só foi encontrado no dia seguinte, na casa de uma moradora próxima.

A pedra atingiu Billi na cara e havia suspeita de que ele tivesse sofrido uma fratura no maxilar, pois a sua face ficou muito inchada.

O veterinário Rodrigo Maia dos Santos tratou dele e constatou que Billi sofreu laceração de pele, e um edema próximo ao olho e hemorragia nasal. Nada muito grave, felizmente. Na tarde de ontem ele já estava bem recuperado e com o mesmo espírito amistoso de sempre, brincando com o filho da sua protetora.

Mas os amigos de Billi não querem que ele volte para a praça. Pensam que seria muito perigoso. Se alguém quiser adotá-lo pode entrar em contato como o doutor Rodrigo, que saberá informar o nome da pessoa que o acolheu. Essa pessoa já tem muitos cachorros e gostaria de dar a outra família a alegria de conviver com esse cachorro tão especial.

Amigos do Billi levaram o caso à delegacia e o autor da agressão deverá responder na justiça pelo crime de agressão a animal, que faz parte da legislação ambiental.

Algum tempo atrás, Billi havia sido assunto de uma reportagem do Fato Novo na qual ele foi apresentado como guardião do templo, pelo hábito que tem de se postar na porta da igreja matriz.

Veja a reprodução da matéria no link:

http://www.fatonovo.com.br/bili-adotou-a-praca-e-conquistou-amizades--not-220.php
http://www.fatonovo.com.br/cachorro-mais-popular-da-cidade--e-vitima-de-agressao-covarde-not-1109.php

Cadela abandonada é adotada por policial militar no Oeste de SC

Animal estava na beira de rodovia com filhote que morreu atropelado.
Organizações se mobilizam para encontrar donos para cães abandonados.
Do G1 SC

Cadela Menina agora recebe atenção e cuidado do cabo Medeiros. (Foto: Polícia Militar de SC)
"Menina" recebe atenção do cabo Medeiros
(Foto: Polícia Militar/Divulgação)

Comovido com a cena de uma cadela à beira da BR-282, ao lado do corpo do filhote atropelado que morreu, um policial militar de Xanxerê, no Oeste do estado, decidiu acolher o animal. O cabo Amarildo Antônio Medeiros encontrou a cadela, chamada de Menina, na última sexta-feira (19).
“Comecei a conversar com ela e foi amor à primeira vista. Ela veio perto de mim sem medo, me deixou fazer carinho e a convidei para entrar no porta-malas, e ela foi sem problema algum”, relembra Medeiros. Ele acredita que os animais (cadela e filhote) tenham sido abandonados no local, pois não há casas próximas.

Leia mais

quarta-feira, 24 de julho de 2013

Caça no Brasil:Permissões para abate de javali aumentam

:: 23/07/2013 | Serra Catarinense
Permissões para abate de javali aumentam
Serra Catarinense, 24/07/2013, Correio Lageano

Após flagrantes de caça de javali sem permissão e os esclarecimentos encaminhados à imprensa, em menos de duas semanas vários interessados procuraram a Polícia Militar Ambiental (PMA), de Lages. Do dia 3 até ontem, 27 permissões foram concedidas em Lages, sendo que no ano passado o número foi de apenas quatro.
Somente na circunscrição da PMA de Lages, que compreende os municípios de Capão Alto, Campo Belo do Sul e São José do Cerrito, foram expedidas desde 2011, 66 autorizações para o abate de javali.



Leia mais

(vídeo) Cadela pinta quadros e ajuda animais necessitados

Por Redação Yahoo! Brasil | Yahoo! Brasil –

Foto: Caters News Agency
Yahoo! Brasil - Foto: Caters News Agency

A cachorrinha Arbor, resgatada das ruas de Las Vegas por um abrigo de animais, tem um talento incrível e incomum: com apenas 2 anos de idade, ela é uma habilidosa pintora.

Seus atuais donos, Bryce e Jeniffer, adotaram a vira-lata sem nem imaginarem seu dom. "Quando dizemos para as pessoas que nossa cadela pinta, ninguém entende de fato do que estamos falando. Elas acham que Arbor usa suas patas, mas aí mostramos o vídeo dela em ação. E aí, de queixos caídos, todos dizem 'Meu Deus! Sua cadela pinta!'", falam empolgados.


Leia mais e assista o vídeo aqui

Animais abandonados recebem agasalhos em Apucarana

24/07/20
Redação Bonde com Prefeitura de Apucarana



A Sociedade Protetora dos Animais de Apucarana (Soprap), em parceria com a Prefeitura de Apucarana, lançaram a "Campanha do AUgasalho" e conseguiram doações para que os cães abandonados possam enfrentar o frio. As pessoas se mobilizaram por meio das redes sociais na internet e doaram lençóis, cobertores, tapetes, toalhas, panos, mantas e jornais.



O biólogo Luan Rafael da Silva Santos, responsável pelo canil municipal, explicou que o local abriga 110 cães. Desse total, aproximadamente, 20 não serão agasalhados por terem dificuldades na adaptação com as roupas.

Leia mais

Protetora recolhe cães maltratados por dono em Paranavaí

24/07/2013

Gisele Manjurma
Uma protetora de animais recolheu dois cachorros, que seriam vítimas de maus tratos pelo dono, por volta das 11h25, nessa terça-feira, no Conjunto Tânia Mara, em Paranavaí (a 73 km de Maringá).

De acordo com informações da Polícia Militar (PM), uma viatura acompanhou a voluntária até a Rua Fidelcino Rocha para o recolhimento dos animais. No local foram encontrados dois cachorros, um deles estava com forte sangramento na boca e lesões nas orelhas.

Vizinhos, que não quiseram se identificar, contaram que o proprietário dos animais costuma deixá-los sem água e alimentação constantemente.E também confirmaram as agressões.

Os cachorros foram levados à Sociedade Protetora dos animais. O homem não foi localizado.

fonte?
http://maringa.odiario.com/policia/noticia/759985/protetora-recolhe-animais-maltratados-por-dono/

terça-feira, 23 de julho de 2013

Único canil de Cianorte não recebe mais cães devido à superlotação

Terça, 23 Julho 2013
Por  G1Comente agora
Espaço tem capacidade para 80 cachorros, mas atualmente abriga 140.
Segundo prefeitura, não há previsão para inauguração de novo canil.
Canil municipal tem capacidade para 80 cachorros, mas atualmente abriga 140 animais. (Foto: Divulgação/Ong Patas)

O canil municipal de Cianorte, no noroeste do Paraná, está lotado e não tem condições de receber mais cachorros,  de acordo com a coordenadora do espaço, Lucia Limeira. O espaço tem capacidade para 80 cães, porém, até esta terça-feira (23), abriga 140. A coordenadora explicou que a superlotação prejudica os animais, já que não há condições adequadas para atender a todos eles. "Se o espaço fosse maior, o atendimento a esses cachorros seria melhor e teríamos condições de abrigar mais cães", explicou.
A Prefeitura de Cianorte anunciou, em 2012, a construção de um novo canil, mas ainda não há previsão para a inauguração do novo espaço. O novo canil terá capacidade para atender 200 animais.


Leia mais

Animais de rua são recolhidos em Cabo Frio, RJ, para feira de adoção

20 cachorros foram recolhidos para feria de adoção no dia 28 de agosto.
Na última feira, 91 animais foram adotados por moradores da região.
Do G1 Região dos Lagos

Uma operação de recolhimento de animais passou por três bairros da cidade de Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro, nesta segunda-feira (22). 20 animais foram resgatados de ruas dos bairros Tangará, Peró e Jardim Esperança. Eles foram levados para o Canil Municipal, que fica na Fazenda Campos Novos. Lá vão ser tratados e vacinados para a próxima feira de adoção, que deve acontecer no próximo dia 28 de agosto, na praça Porto Rocha.
animais de rua cabo frio (Foto: Ari dos Santos/Ascom Cabo Frio)
Animais foram recolhidos em três bairros da cidade.  (Foto: Ari dos Santos/Ascom Cabo Frio)


A última Feira de Adoção de Animais aconteceu na quarta-feira (17), no Centro da cidade. Segundo a assessoria da Prefeitura de Cabo Frio, 91 animais foram adotados. Sendo 72 cães e 19 gatos. No início deste mês de julho, o G1 mostrou que o Canil Municipal apresentava irregularidades. O portão de entrada estava aberto, possibitando qualquer pessoa entrar. Além da falta de segurança, os animais ainda conviviam com uma grande poça de esgoto que foi formada atrás do canil.
 Leia mais

Quinze pessoas são presas em rinha de galo em Apucarana

TNOnline
Da Redação

Quinze pessoas foram detidas pela Polícia MIlitar (PM) domingo à tarde (21/07), em Apucarana, acusadas de participar de uma rinha de galo. O fato foi registrado na Avenida Itararé, no Jardim Ponta Grossa. Os policiais foram até o local após denúncia anônima relatando um "campeonato de brigas de galo".
Na residência, a PM flagrou uma arena instalada e dois galos brigando. Outras 35 aves estavam em gaiolas, esperando a vez para participar da rinha. Os animais e o "rinhadeiro" foram apreendidos. Os responsáveis pelos galos de briga e o organizador do campeonato foram detidos e encaminhados ao cartório da Polícia Militar.
Entre os detidos, estão seis menores e nove adultos: José Aparecido Pereira, 39 anos; Jaime Cardoso, 20 anos; Orivaldo Rossetti, 45 anos; Erivelton Bralia da Silva, 20 anos; Wesley Welinton Cardoso, 22 anos; Marcio Gomes, 35 anos; Marcos Gomes, 38 anos; Darcy Domingos Martins Vitória, 44 anos; e Cirineu Aparecido Soethe, 31 anos. Este último é o suspeito de ser o organizador da rinha. A Polícia Militar Ambiental acompanhou a operação.

Leia mais

(vídeo) Golfinhos identificam-se "pelo nome" - investigação

Reuters
Golfinhos identificam-se "pelo nome" - investigação
Arlinda Brandão
23 Jul, 2013

Cientistas da Universidade de St.Andrews, na Escócia, encontraram novas provas de que os golfinhos se chamam 'pelo nome', ou seja, usam um assobio único para identificarem cada um dos outros no grupo.
Os investigadores, cujo estudo é hoje publicado na revista Proceedings of the National Academy of Sciences, descobriram que os animais respondem quando ouvem o seu próprio assobio reproduzido.

Há muito que se suspeitava que os golfinhos usam assobios de uma forma semelhante à que os humanos usam para os nomes.

Investigações anteriores demonstraram que estes chamamentos são usados frequentemente e que os golfinhos num mesmo grupo conseguem aprender e copiar sons pouco habituais.

vejam o vídeo em http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=668745&tm=8&layout=123&visual=61

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Polícia detém 29 pessoas por rinha de galo em Santa Cruz do Sul



Pelo menos 29 pessoas foram detidas na tarde deste domingo por fazer rinha de galo em Santa Cruz do Sul, no Vale do Rio Pardo. Dezesseis animais foram apreendidos na operação.

A polícia tomou conhecimento do caso após uma ligação para a Brigada Militar (BM). As lutas eram organizadas em um casebre ocupado irregularmente na Rua Curupaiti, bairro Bom Jesus.


Leia mais

Portugal: Partido Pelos Animais lança petição para abolir touradas

 15 AGO
O Partido Pelos Animais (PPA) vai lançar, este domingo, uma petição na Internet para que seja aprovada legislação no sentido de abolir as touradas em Portugal.
«O objectivo é exactamente pedir que seja aprovada legislação no sentido de abolir completamente as touradas e todos os espectáculos com touros em Portugal», revelou à Lusa  o porta-voz da associarão, Paulo Borges, em Fátima, onde o PPA participou num protesto silencioso contra alegados maus-tratos a animais no santuário.
   
O responsável admitiu que este é o momento para o fazer, atendendo, por exemplo, ao facto de, no mês passado, o Parlamento da Catalunha ter decretado a abolição, dentro de ano e meio, das touradas naquela região espanhola.
 
«Achamos que este é um momento de grande fôlego para o movimento anti-tauromáquico em todo o mundo e estamos a aproveitar também esta oportunidade", declarou.
 
Paulo Borges esclareceu que esta petição sucede a uma outra, subscrita por 8500 pessoas, contra a criação da secção de Tauromaquia no Conselho Nacional de Cultura, documento que vai ser objecto de discussão na Assembleia da República.

http://www.tsf.pt/PaginaInicial/Vida/Interior.aspx?content_id=1641820

Campinas SP: Em Sousas, pássaros são usados como prendas em Festa

Em 22 de julho de 2013 |

Pássaros são usados como prendas na Festa de Sant´Ana, em Sousas. Foto: Carol Dias

O Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais de Campinas (CMPDA) recebeu denúncia de uso de pássaros como prendas em bingos e sorteios na Festa de Sant´Ana, que aconteceu no Distrito de Sousas neste último final de semana.
Esta prática vai de encontro e desrespeita a lei 9605/98, artigo 32, que salienta ser proibido “praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres.”


Leia mais

SP cria delegacia que investigará maus tratos contra animais

Decreto foi assinado pelo governador Geraldo Alckmin nesta segunda-feira

O governador Geraldo Alckmin criou nesta segunda-feira, 22, a delegacia especializada na investigação de maus tratos contra animais. Por meio de decreto, criação da Divisão de Investigações sobre Infrações de Maus Tratos a Animais e demais Infrações contra o Meio Ambiente passa a valer a partir de terça, 23, quando o decreto será publicado no Diário Oficial do Estado.

A criação da delegacia atende a reivindicação de entidades ligadas à luta pela proteção dos animais. A Divisão criada por Alckmin ficará responsável pela investigação de crimes de abusos, maus tratos e demais atos de crueldade contra animais, além de outras infrações contra o meio ambiente cometidas no Estado de São Paulo.


Do Portal do Governo do Estado



http://saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia.php?id=230944&c=6

domingo, 21 de julho de 2013

Animais de rua serão recolhidos no bairro Peró, em Cabo Frio, RJ

Ação de recolhimento dos animais vai ocorrer nesta segunda-feira (22).
Animais serão tratados no Canil Municipal para serem doados.
Do G1 Região dos Lagos

feira de adoção em cabo frio (Foto: Heitor Moreira/G1)
Filhotes foram expostos na praça para adoção
(Foto: Heitor Moreira/G1)
Nesta segunda-feira (22), uma equipe da Secretaria de Agricultura de Cabo Frio, Região dos Lagos do Rio, estará promovendo uma operação no bairro Peró para recolher animais abandonados nas ruas. Eles serão tratados e esterilizados para que possam estar na próxima edição da Feira de Adoção de Animais, que deve ocorrer dentro dos próximos 15 dias.
Na última quarta-feira (17), a prefeitura da cidade realizou a Feira de Adoção de Animais, na Praça Porto Rocha, e obteve grande sucesso. Ao todo, 91 animais - 72 cães e 19 gatos - conseguiram um novo lar.
Leia mais

Alvo de denúncias, canil de Juiz de Fora sacrificou mais de 140 cães em três meses

Alvo de denúncias, canil de Juiz de Fora sacrificou mais de 140 cães em três meses
Representantes de ONGs garantem que animais estão morrendo por falta de estrutura do local

Do R7 MG, com Record Minas

Unidade recebe cães abandonados pelos donos
Record Minas

O canil municipal de Juiz de Fora, na Zona da Mata mineira, está sendo alvo de denúncias de maus-tratos aos animais. Nos últimos três meses, 142 cães foram sacrificados na unidade.

O local recebe animais abandonados, mas não possui uma clínica veterinária. Segundo, Paulo Medeiros, representante da ONG Animal e Natureza, os animais estão morrendo por causa da falta de estrutura.
Leia mais e veja o vídeo

Convênio veterinário completa um ano em Espírito Santo do Turvo

Neste período mais de 300 animais foram castrados gratuitamente.
Além do procedimento, projeto ofecere atendimento clínico e emergencial.
Do G1 Bauru e Marília

Veterinários aplicam quimioterapia em “Duquinho”, sob olhar atendo de Celina (Foto: Divulgação)

Um convênio entre a Prefeitura de Espírito Santo do Turvo (SP) e veterinários da cidade já castrou cerca de 300 animais, entre cachorros e gatos, em um ano. Todos os procedimentos, além de atendimentos clínicos e cirurgias são gratuitos à população. Por conta do crescimento do projeto realizado pela Secretaria de Saúde, com o apoio da Secretaria de Meio Ambiente, a prefeitura renovou o estoque de medicamentos veterinários.
Todas as quartas-feiras, os veterinários ficam disponíveis para emergências de animais domésticos das 9h às 17h, na sede da Secretaria de Agricultura, e também realizam cirurgias de castração de cães e gatos. Para o último caso, é necessário agendamento prévio. “Realizamos cerca de oito castrações por dia de atendimento. O procedimento é rápido, simples e não tem custo algum ao proprietário do animal”, explica o veterinário Eduardo Belei. A castração em uma clínica particular custa entre R$ 300 e R$ 500.
O veterinário conta ainda que o procedimento utilizado em Espírito Santo do Turvo é o considerados um dos melhores, onde a invasão é mínima. “A cirurgia é feita por meio de um pequeno corte e não é necessário pós-operatório. Em duas horas o animal vai para a casa sem necessidade de tomar medicação ou ser mantido sob cuidados especiais”, disse Belei.

Leia mais

sábado, 20 de julho de 2013

Cão morre de fome amarrado em corrente em Medianeira; outros quatro animais estão desnutridos e correm risco

Notícias / Medianeira Cão morre de fome amarrado em corrente em Medianeira; outros quatro animais estão desnutridos e correm risco
Ong SOS Focinho conseguiu resgatar cadela com três filhotes, um deles está bastante ferido e todos estão em estado calamitoso

 Publicada em: 19/07/2013 -
Cinco animaizinhos foram vítimas de maus-tratos em uma casa localizada no Bairro BNH, em Medianeira. De acordo com informações da Ong SOS Focinho um dos cães estava acorrentado e morreu de fome e sede, sem ser atendido em sua necessidade e sem a menor chance de pelo menos sair em busca de alimento. Outros quatro cães, sendo uma fêmea adulta com três filhotinhos também estavam no mesmo quintal, todos quase morrendo de fome e sede.
 A situação chegou ao conhecimento da Ong após vizinhos da residência acionarem as agentes de controle de endemias do município, por conta do forte mau-cheiro que exalava do quintal. As agentes vistoriaram o quintal e se depararam com a cena terrível e acionaram então a Ong.
Leia mais

ONG Peta vira alvo de críticas de defensores de direitos dos animais

Por The New York Times | 20/07/2013
Eutanásia em abrigos vai na contramão de práticas atuais, dizem críticos da organização


Getty Images
Apresentador da TV americana Dr. Drew Pinsky apoia campanha de castração de animais de rua do Peta em 2012, mas ONG mata animais de seu abrigo

O Peta, considerado por muitos o mais importante grupo defensor de direitos dos animais dos Estados Unidos, mata em média dois mil cachorros e gatos de seu abrigo a cada ano. E o abrigo consegue fazer poucas adoções: 19 animais em 2012, 24 em 2011.

Numa época em que os outros grandes grupos adotaram um modelo sem mortes em seus abrigos, o People for the Ethical Treatment of Animals (em português, Pessoas para o Tratamento Ético dos Animais) continua com a prática, mesmo defendendo que animais não devem ser mortos para se transformarem em comida, casacos de pele ou bolsas de couro.

Leia mais

Morre elefante do Zoológico de Sapucaia do Sul

Morreu, no Zoológico de Sapucaia do Sul, a fêmea de elefante-indiano Mila. O animal, que tinha cerca de 40 anos, estava no parque desde 30 de junho de 2008, quando veio do Beto Carreiro World, em Santa Catarina.

De acordo com informações da Fundação Zoobotânica do Rio Grande do Sul, responsável pelo zoo, Mila estava sob tratamento e seu estado de saúde agravou-se no sábado (13) e acabou morrendo no domingo. Na necropsia, foi constatada a presença de um tumor uterino que pesava 40 quilos. O material foi enviado para exames complementares.


Leia mais

sexta-feira, 19 de julho de 2013

McDonald’s será a rede oficial do Papa Francisco no Brasil

Rede de fast food fecha acordo de exclusividade com a igreja para a Jornada Mundial da Juventude, que reunirá 2 milhões de pessoas no Rio

Márcio Juliboni, de Exame

Vincenzo Pinto/AFP
Papa Francisco acena para a multidão no Vaticano em 24 de abril de 2013
Papa Francisco: ceia dos fieis contará com fritas e hambúrgeres do McDonadl's

São Paulo – O McDonald’s fechou um acordo com a Igreja Católica para ser o restaurante oficial da Jornada Mundial da Juventude, que espera reunir 2 milhões de pessoas no Rio, no próximo mês, para acompanhar a visita do Papa Francisco ao país.


A informação é da coluna Radar Online, de Veja.Segundo a coluna, os participantes do evento ganharão um cartão especial com o qual poderão comprar lanches no restaurante. A rede teria desenvolvido, até, um “combo do peregrino”, composto por sanduíche mais acompanhamentos.


Leia mais

Polêmico método de castração química nos cães da ilha de Marajó

Nota sobre a notícia abaixo: no texto não se informa qual a droga que será usada para esta polêmica castração química. É preciso cuidado, pois não há estudos que comprovem os efeitos desta química nos animais. Vejam por exemplo isto: http://vista-se.com.br/redesocial/wilson-grassi-veterinario-fala-sobre-castracao-quimica/
João
-----------------------------

19/07/2013
Universidade desenvolve método de castração química para animais no PA
Projeto da Ufra desenvolve método de castração em dose única.
Caravana pretende visitar municípios do estado.
Do G1 PA

Filhotes, adultos e cães idosos podem ser adotados (Foto: Cão Terapia/Divulgação)
Filhotes e adultos podem ser castrados (Foto: Cão Terapia/Divulgação)

Uma caravana do projeto "Vida Digna", que realiza ações de castração química em cães e gatos, deverá fazer um mutirão no arquipélago do Marajó. Este tipo de castração, desenvolvido pela Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), é realizado sem cirurgia, através de uma injeção nos testículos do cão ou gato, para inibir a produção de espermatozóides.
Segundo dados de pesquisas das sociedades protetoras de animais, a cada gestação, uma fêmea pode gerar oito filhotes. Sem controle de natalidade, os animais geram filhotes, que por sua vez geram mais filhotes e assim, uma superpopulação de animais. Situação que foi vista recentemente no Marajó, na cidade de Santa Cruz do Arari, onde o prefeito, alegando que pretendia reduzir o número de cães no município, incentivou uma "caça aos animais".

Leia mais

Homem que matou jegue a pauladas é condenado em Sergipe

19/07/2013 15h40 - Atualizado em 19/07/2013 15h50
Homem que matou jegue a pauladas é condenado em Sergipe
Ele vai cumprir penas alternativas.
Do G1 SE

Jegue foi morto a pauladas (Foto: Nazare Moraes/Arquivo Pessoal)

O homem acusado de matar um jegue a pauladas na cidade de Graccho Cardoso, a 118Km de Aracaju, foi condenado pela justiça a cumprir penas alternativas, na quarta-feira (17), no Fórum Juiz Felix Dias Guimarães . A agressão ocorreu no dia 03 de abril, numa estrada da cidade, quando o homem encontrou o animal solto e o agrediu com pedaços de madeira até a morte.
Segundo a presidente da entidade Educação e Legalização Animal (Elan), Nazaré Moraes entre as penalidades aplicadas estão à confecção de uma placa metálica para ser colocada no canteiro de entrada da cidade, com a seguinte mensagem “Quem pratica ato de abuso, maus-tratos, fere ou mutila animais, comete crime e, se o animal vier a morrer, poderá pegar prisão de até um ano e quatro meses, além de pagar multa (ART. 32, § 2º, DA LEI 9.605/98)”, escrita em fundo branco e letras vermelhas.

Leia mais

Polícia vai investigar morte de cavalo em via pública em Manaus

18 Jul 2013 . 16:00 h . Sérgio Victor . portal@d24am.com
Na apuração dos policiais com os moradores do local, constou que o animal foi sacrificado devido a uma grave doença.

Manaus – A Polícia Civil vai abrir inquérito para investigar a morte de um cavalo em via pública na noite da última quarta-feira (17), no bairro Colônia Antônio Aleixo, zona leste de Manaus. O animal, que se encontrava na Rua Padre Mário, estava com parte do corpo queimado e com os órgãos internos expostos.

Segundo as informações do Comandante da Polícia Militar, Almir David, o caso foi registrado no 28º Distrito Integrado de Polícia. Na apuração dos policiais com os moradores do local, constou que o animal foi sacrificado devido a uma grave doença. “Não sabemos quem está envolvido e já passamos para a Inteligência da Polícia Militar, que vai investigar esse caso”, disse.


Leia mais

quinta-feira, 18 de julho de 2013

Conheça um veterinário que arrisca a vida pelos animais

Papo net
Conheça um veterinário que arrisca a vida pelos animais
    19/07/13 Por Fabiana Ferreira - blogpapopet@gmail.com


Tiago, em consulta, pós-resgate noturno (foto: Vera Nardino)

A profissão de médico veterinário não costuma estar nos ranking das mais arriscadas ou estressantes. Mas se o curitibano Tiago Vaz Carcereri, de 28 anos, fosse um dos parâmetros para estas pesquisas, talvez a carreira que forma médico de animais pudesse ser  considerada perigosa. O rapaz, muitas vezes, arrisca a vida em resgates pra lá de cinematográficos.

Ele é um dos poucos - ou quem sabe o único profissional da cidade -, que trabalha por conta própria, a se aventurar pela cidade em locais de difícil acesso. Em locais onde cães, gatos e cavalos estão isolados e muitas vezes à beira da morte. Destemido, o rapaz não teme alturas ou noites escuras. Com equipamentos, lanterna e dardos tranquilizantes, ele calcula os riscos antes de colocar para dormir os bichos em perigo.


Leia mais

Prefeitura quer remover mais de 150 capivaras que vivem na orla da Lagoa da Pampulha

CIDADE
Prefeitura quer remover mais de 150 capivaras que vivem na orla da Lagoa da Pampulha

Pesquisa mostra que 95% dos frequentadores são a favor da manutenção dos roedores por lá

por Cedê Silva | 17 de Julho de 2013

Marcos Michelin/EM/D.A Press

Os animais comem plantas do jardim planejado por Burle Marx no Museu de Arte: patrimônio em risco

Quando o zoológico de Belo Horizonte estava em construção, em 1953, a obra de dois lagos interligados dentro do recinto que seria destinado às capivaras, entre outros animais, chamou a atenção do prefeito Américo René Giannetti (1896-1954). Ele fez questão de destacar o projeto no relatório que escreveu naquele ano sobre os progressos que chegavam à cidade. Giannetti não podia prever que não seria preciso passar pelos portões do nosso zoo para ver os maiores roedores do mundo. Não se sabe ao certo quando eles chegaram por ali, provavelmente seguindo o curso d’água, mas o fato é que várias famílias deles escolheram viver às margens da Lagoa da Pampulha, onde passeiam sossegadas e livremente pelos jardins criados pelo paisagista Burle Marx (1909-1994). Ao longo dos anos, os bichos transformaram-se em mais uma atração para crianças e adultos que visitam a região. Agora, porém, as capivaras - que se alimentam das plantas dos jardins - estão sendo vistas como ameaça ao reconhecimento do Conjunto Arquitetônico da Pampulha como patrimônio cultural da humanidade. E como um risco à saúde pública, já que são hospedeiras do carrapato-estrela, transmissor da bactéria Rickettsia rickettsii, causadora da febre maculosa, que pode ser fatal para os humanos.


leia mais

Prefeitura investiga a morte de 19 antílopes no Zoológico de Curitiba

Quinta, 18 Julho 2013 14:2

Por  G1

Animais morreram logo após uma transferência de recinto.

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (SMMA) investiga a morte de 19 antílopes do Zoológico de Curitiba, localizado no bairro Boqueirão, na quarta-feira (10). De acordo com a Prefeitura Municipal, o incidente ocorreu logo após uma transferência de recintos, comum no período de inverno. Entre eles estavam 16 fêmeas e três machos.

O Diretor do Departamento de Pesquisa e Conservação de Fauna da SMMA, Alexander Biondo, explicou ao G1 que os animais são da espécie Cervicapra e foram levados para o zoológico em 1998. "Toda a equipe lamentou muito porque os animais já estavam conosco há várias gerações. E foi o grupo todo, infelizmente não sobrou nenhum", argumentou.

Ele explicou ainda que as equipes que investigam o caso suspeitam inicialmente de plantas tóxicas, estresse coletivo e da existência de alguma doença infecciosa.
http://parana.cbnfoz.com.br/noticias-do-parana/editorial/parana/18072013-33044-prefeitura-investiga-a-morte-de-19-antilopes-no-zoologico-de-curitiba

Maus-tratos a cavalos criam polêmica em torno das vitórias em Petrópolis

17/07/2013
Tradição das charretes é prejudicada por descaso com os animais.
Charreteiros antigos lamentam a atual situação do serviço.
Andressa Canejo
Do G1 Região Serrana

Registro do cavalo caído no Centro Histórico da cidade nesta terça-feira (16) (Foto: Divulgação)

Uma tradição antiga em Petrópolis, Região Serrana do Rio, as vitórias, como são chamadas as charretes na Cidade Imperial, tem sido alvo de críticas, incluindo até pedidos de encerramento da atividade por parte da população e também de defensores de animais. Um abaixo-assinado circula pelas redes sociais e uma manifestação está sendo articulada pelos defensores dos animais e moradores da cidade, que se declaram publicamente contrários a este tipo de transporte dos turistas na cidade, e cobram alternativas por parte do poder público.
     " Estamos no século 21 e nem as ruas da cidade comportam mais este tipo de transporte. Se os animais fossem bem cuidados, ainda ia lá, mas a cada dia vemos mais animais caindo pelas ruas de cansaço e de fome", critica a internauta Marcela Dias, 24 anos, estudante de Direito.

Leia mais

Araçatuba: Situação do zoo faz surgir hipótese de transferência de animais

Situação do zoo faz surgir hipótese de transferência de animais

ARNON GOMES - COLUNA PERISCÓPIO Link

Quarta-Feira - 17/07/2013 -
Arquivo Folhadaregiao.com

               
Demora na reforma do zoológico tem dominado as discussões na Câmara de Araçatuba


  Assunto que, ultimamente, tem dominado as discussões no âmbito da Câmara de Araçatuba juntamente com a reforma da praça Rui Barbosa, o zoológico municipal é motivo de entendimentos mais incisivos quanto ao seu destino. Há vereador que, em conversas informais, defende o fechamento do recinto, com a transferência dos animais para outra cidade. O término do processo de revitalização do recinto, que caminha a passos lentos, tem incomodado a população. “Vamos deixar os bichinhos aqui a troco de que diante dessa situação?”, indagou um parlamentar à coluna.

ANDAMENTO DE OBRAS
  O presidente da comissão de Obras e Infraestrutura da Câmara de Araçatuba, o vereador Rivael Papinha (PSB) disse que começou a levantar o que foi licitado pela administração municipal desde janeiro, com o início do segundo mandato do prefeito Cido Sério (PT).
Leia mais

Olinda: Jumento morre após receber descarga elétrica em poste

Jumento morre após receber descarga elétrica em poste de Peixinhos
Publicado em 18/07/2013

Imagem: TV Jornal
ATUALIZADA ÀS 13H

Um jumento morreu eletrocutado após levar um choque num poste de ferro em uma praça, no bairro de Peixinhos, em Olinda. O animal estava na chuva quando encostou no poste e recebeu a descarga elétrica, na noite dessa quarta-feira (17). O problema é antigo e já vitimou um cachorro, há dois meses. Crianças também já levaram choque, mas nenhuma ficou gravemente ferida.

De acordo com a população, dos seis postes da praça, vaza corrente em pelo menos três. Os moradores dizem que a situação foi denunciada às autoridades, mas nenhuma providência foi tomada. Eles estão preocupados porque o local é muito movimentado e bastante frequentado por crianças e grupos culturais. Um outro poste de concreto, nas imediações, está com a base danificada há meses e pode cair a qualquer momento.
Leia mais

quarta-feira, 17 de julho de 2013

João Pessoa: CCZ afirma que eutanásias ocorrem só quando necessário

Nota: vejam na foto abaixo, que os cães são tratados como prisioneiros. A Prefeitura de João Pessoa é culpada por esta situação, porque meios eficientes de controle de natalidade de animais (como a castração) e campanhas de posse responsável de animais não foram bem feitas no passado. E quanto ao comércio de animais (filhotes), o que a Prefeitura tem feito?
João
-----------------------------------------

CCZ afirma que eutanásias ocorrem só quando necessário e 'veterinários jamais colocariam diploma em risco'
16/07/2013 |

O coordenador do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), Nilton Guedes, conversou com o Portal Paraíba e esclareceu as inúmeras denúncias que dão conta de que o Centro sacrifica animais “aos montes” como forma de controle populacional.
“Essas pessoas que dizem isso deveriam vir até aqui ver o nosso trabalho”, começou Guedes. Chateado pelas acusações, o coordenador revelou que existe um histórico de denúncias contra o CCZ.
“Sempre que realizamos uma eutanásia, o médico veterinário responsável assina o atestado de óbito do animal se comprometendo com o procedimento. Ele jamais colocaria em risco o seu diploma permitindo a eutanásia de um animal sadio”, colocou.
PMJP realiza ação de Vigilância Ambiental no Mercado do Oitizeiro
Zoonoses de JP está coletando animais nas ruas para exterminar, acusam internautas; CCZ nega
Guedes explicou que na atual gestão, o Centro mudou a forma de abordar animais de rua e abandonados, recolhendo apenas animais que precisam de tratamento veterinário. “Se trouxermos um animal sadio para cá, estamos colocando em risco a saúde dele”, disse.

leia mais

Animais do Canil de Cabo Frio, RJ, são adotados por moradores

20 cães do canil foram levados para a praça Porto Rocha, no Centro.
Ração, vasilhas, enfeites e correntes também são doadas.
Heitor Moreira
Do G1 Região dos Lagos

Cachorros foram levados para Centro da cidade na manhã desta quarta (17). (Foto: Heitor Moreira/G1)

Irregularidades em canil de Cabo Frio, RJ, colocam animais em risco

A praça Porto Rocha, no Centro da cidade de Cabo Frio, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro, foi escolhida para ser palco de um ato de solidariedade. Cães do Canil Municipal estão sendo doados desde às 10h desta quarta-feira (17). A situação desses cães ficou conhecida depois que o G1 divulgou as dificuldades que eles enfrentavam no abrigo. Mais de 20 cachorros foram levados para a feira de adoção. Uma tenda e gaiolas foram montadas para deixar os animais expostos. A feira vai até às 16h desta quarta.
          Valdeia Campos, de 54  anos, chegou as 7h30 para poder garantir um bicho de estimação. Assim que os cães chegaram, ela já escolheu quem iria levar para casa. ''Cheguei bem cedo. É o primeiro cachorro que eu tenho. Ela é linda vai se chamar 'Princesa'. É muito importante a gente dar valor para esses bichinhos. Eles só querem carinho'', disse a dona de casa.

Leia mais

Australiano salva cachorro com respiração boca-a-boca e vira herói

17 de Julho de 2013•

Salty, um cachorro de 5 anos, está vivo graças à atitude inusitada do australiano forte, barbudo e careca, amante da Harley Davidson
Salty sobreviveu graças a Steve Hunter, que parou para fazer respiração boca-a-boca Foto: Channel Ten / ReproduçãoSalty sobreviveu graças a Steve Hunter, que parou para fazer respiração boca-a-boca
Foto: Channel Ten / Reprodução
Liz Lacerda
Direto de Sydney
Steve Hunter se tornou herói na cidade onde mora e uma celebridade em toda Austrália. O homem de 54 anos estava dirigindo um caminhão de entrega de materiais de construção quando viu um cachorro ser atropelado na estrada. O motorista do carro seguiu viagem, mas Steve parou o veículo, desceu, tirou o cãozinho da rodovia e fez respiração boca-a-boca no animal, que reagiu.

Salty, um cachorro de 5 anos, mistura das raças Fox Terrier e Jack Russell, está vivo graças à atitude inusitada do australiano forte, barbudo e careca, amante da Harley Davidson, que não pensou duas vezes antes de se abaixar na beira da estrada para ressuscitar o animal. “Foi automático. Vi que ele parecia morto, mas achei que podia salvá-lo. Então, abri os maxilares dele, aproximei minha boca o máximo e comecei a soprar ar para dentro enquanto fazia massagem no seu tórax”, disse o australiano, que já fez curso de primeiros socorros.

Leia mais

terça-feira, 16 de julho de 2013

Animais são sacrificados com requinte de crueldade pela prefeitura de Bacabal

Animais são sacrificados com requinte de crueldade pela prefeitura de Bacabal
11/07/2013 correiocodoense
A TV Mirante mostrou a forma com com que são tratados os animais recolhidos nas ruas pela Prefeitura de Bacabal. De acordo com a reportagem exibida esta semana em rede estadual, o município recolhe os animais, geralmente cães e os mantém em local impróprio para permanência de animais.

Além de insalubre, o cômodo reservado na Secretaria de Obras da cidade, é menor que a capacidade de cachorros presos pela prefeitura. Os repórteres Fábio Costa e César Almeida apresentaram também, a maneira cruel como são maltratados os animais.

Leia mais

(vídeo) Chaveiros com animais vivos vendidos na China devem acabar, diz petição

Animais vivos colocados em chaveiros e amuletos são uma nova moda na China e têm provocado ampla condenação, bem como uma petição no site Avaaz. Os animais são colocados em pequenos sacos plásticos e geralmente acabam morrendo poucos dias depois.

O site de direitos humanos e dos animais iniciou recentemente uma petição pelo banimento dos chaveiros que contêm peixes vivos, lagartixas e tartarugas.

Desde segunda-feira, a petição já gerou mais de 164 mil assinaturas e precisa de 1 milhão.

Leia mais e veja o vídeo aqui

Cães de Canil de Cabo Frio, RJ, serão doados na Praça Porto Rocha

16/07/2013
Cães de Canil de Cabo Frio, RJ, serão doados na Praça Porto Rocha
Cachorros estarão na praça das 10h às 16h nesta quarta-feira (17)
Na última semana, G1 mostrou condições dos animais estavam no canil.
Heitor Moreira
Do G1 Região dos Lagos

Cães serão doados das 10h às 16h nesta
quarta-feira (17) (Foto: Heitor Moreira / G1)

Cerca de 21 animais do Canil Municipal deCabo Frio (RJ) estarão na praça Porto Rocha, no Centro da cidade, das 10h às 16h na próxima quarta-feira (17) para adoção. Os interessados devem ter no mínimo 18 anos e precisam levar carteira de identidade para que possam assinar o termo de adoção com os agentes da secretaria de Agricultura. Os animais estão sendo preparados por veterinários.
Segundo a veterinária Janaína Heringer, uma das responsáveis pelo Canil Municipal, a expectativa é grande. A quarta-feira foi escolhida por ser um dia movimentado, onde os moradores poderiam participar de forma mais efetiva. Haverá uma tenda grande onde estarão funcionários, voluntários e veterinários no local. Os filhotes ficarão nas gaiolas de transporte de animais e os adultos estarão nas coleiras com os funcionários.

Leia mais

Passos -MG: recolhimento de animais suspenso

16/07/2013 às 21h10 RECOLHIMENTO SUSPENSO
Cães saudáveis estão disponíveis para adoção. / Fotos: Fão Tavares

Folha da Manhã
Leiliane Morais

O Canil Municipal de Passos está com 89 animais, sendo que sua capacidade é de 75 cães. O local não comporta o número crescente desses animais e até suspendeu o trabalho de retirada dos cães das ruas por falta de espaço. Por outro lado, a Associação Passense Protetora dos Animais vem desenvolvendo ações para diminuir a população de cães nas ruas e amenizar o sofrimento dos animais abandonados, já que o tratamento oferecido pelo o canil da cidade ainda é precário.

http://www.clicfolha.com.br/noticia/24395/recolhimento-suspenso

Curitiba: Rede animal zera pendências

Denúncias
Rede animal zera pendências
    17/07/13
A Rede de Proteção Animal, da Prefeitura de Curitiba, zerou as denúncias recebidas neste ano pelo telefone 156. No início deste ano, havia mais de 300 denúncias a serem resolvidas. Agora o prazo máximo para atendimento de novas denúncias é de cinco dias úteis. “Com isso, Curitiba passa a ser uma das únicas capitais do país a atender em tempo real as denúncias de maus tratos a animais”, explica o diretor do Departamento de Pesquisa e Conservação de Fauna, Alexander Biondo.

Ele informa que, desde o início deste ano, o fortalecimento da Rede de Proteção Animal e a criação da Guarda Municipal de Proteção Animal fizeram com que houvesse um aumento de 80% no número de denúncias registradas através do fone 156. “A média era de 15 denúncias por dia e agora temos cerca de 25 denúncias diárias”, informa Biondo.


Leia mais

Zoonoses de João Pessoa está coletando animais nas ruas para exterminar, acusam internautas; CCZ nega

Está circulando pelas redes sociais a informação de que o Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) estaria retirando e exterminando todos os animais que ficam soltos pela feira de Oitizeiro em João Pessoa.
De acordo com o protetor Antonio Flor, vários outros protetores e associações de proteção vem recebendo mensagens com esse tipo de denúncia há pelo menos quatro dias.
O protetor informa que quem resgatar um animal leve ao veterinário, tente castrar e vermifugar e entrar em contato com alguma Associação, para tornar a adoção mais fácil, mas que não leve ao CCZ.


Leia mais

(Curitiba) ONG recolhe quatro cavalos com sinais de maus-tratos

16/07/2013 -
Redação Bonde

A Sociedade Protetora dos Animais de Curitiba (SPAC) informou nesta terça-feira (16) que recolheu em sua sede quatro cavalos com sinais de maus-tratos, apreendidos na madrugada de ontem no bairro Uberaba. Segundo informações da entidade, os animais foram primeiramente levados ao Centro de Controle de Zoonozes e Vetores (CCZV) e, na sequência, encaminhados à ONG.

Ainda de acordo com a SPAC, os cavalos estão abaixo do peso e com cascos ruins. Uma água também teria ferimento no membro posterior direito. A instituição registrou boletim de ocorrência na Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) por crime ambiental e assumiu a guarda e o cuidado com os animais provisoriamente.


Leia mais

Bahia: Neto e Marcell decidem regulamentar a venda de animais em pet shops

16/07/201 14:26:16

Foto: Agecom


O prefeito ACM Neto e o vereador Marcell Moraes (PV) entraram em um acordo para garantir agilidade na execução do projeto de lei que trata da venda de animais em pet shops de Salvador. De acordo com o chefe do Executivo, a Legislação não pode impedir a comercialização dos animais nesses estabelecimentos. O que pode ser feito é criar medidas que regulamentem a venda e intensifiquem as fiscalizações para que não permita irregularidades e maus tratos aos bichos.

Marcell Moraes entende que a proibição seria a melhor medida, pois muitos desses estabelecimentos não possuem estruturas adequadas para a venda, mas a Procuradoria sugere que a matéria seja refeita para que ela não seja totalmente reprovada. Ficou acertado que a prefeitura e a equipe técnica do vereador elaborem, juntas, um novo projeto que será enviado dentro de 15 dias à Câmara pelo Executivo em caráter de urgência urgentíssima, como forma de dar agilidade à tramitação e garantir sua aprovação mais rapidamente.

Leia mais