terça-feira, 30 de abril de 2013

(CAMPINAS) 1ª PARADA CANINA VILA BOA VISTA E PARQUE VIA NORTE PARA RECOLHIMENTO DE ASSINATURAS EM ABAIXO ASSINADO


Local: Praça central da Vila Boa Vista, ao lado do Shopping Mix, na Rua dos Ipês Roxos.



Dia: 05 de Maio de 2013 - a partir das 9 horas.



Nosso objetivo neste evento será arrecadar assinaturas para a criação de um programa de castração gratuita para cães e gatos abandonados, por se tratar de um caso humanitário e também de saúde pública, devendo por isso ser tratado com a necessária seriedade. Teremos alguns veterinários que falarão sobre a importância e os benefícios da castração animal.  Haverá  distribuição de amostras grátis de rações, pipoca e algodão doce pra criançada, sorteios de brindes e um concurso para eleger o cão mais bonito.



Maus Tratos aos animais é CRIME segundo Lei 9.605/98.



 A denúncia pode ser feita até anonimamente, no telefone 019  3236-3040.

(BA) Vereador quer proibir o sacrifício de animais em terreiros: "os orixás vão entender"



Marcell Moraes, do PV, sugere que sejam utilizadas plantas ou folhas no lugar dos animais


O vereador Marcell Moraes, do PV, é um defensor dos animais. Após conseguir aprovação do projeto de lei que proíbe a venda de animais de estimação em pet shops, o político quer proibir que animais sejam sacrificados em rituais realizados pelos terreiros de candomblé.

De acordo com Marcell, ele não tem nada contra a religião, mas é contra o uso de animais para os rituais. Em entrevista ao CORREIO, o vereador explicou que não quer intervir na religião alheia, mas reafirmou que não é a favor do sacrifício animal.

Leia mais

EUA: Cão Hector é o herói do momento no país onde os bombeiros recebem máscaras de oxigénio para animais


Hector é o herói do momento no país onde os bombeiros recebem máscaras de oxigénio para animais
PT ANIMAL - NOTÍCIAS
AUTOR: JOÃO MIGUEL RIBEIRO
TERÇA-FEIRA, 30 ABRIL 2013
Hector salvou quatro crianças de um incêndio, ladrando até as acordar e guiando-as para fora da casa em chamas. O salvamento ocorreu nos EUA, país que hoje está nas notícias porque a corporação de bombeiros de San Diego recebeu máscaras de oxigénio concebidas para animais.

Cão que ladra não morde: está a avisar que há fogo! Em Niles, localidade no estado do Michigan (EUA), foi o pitbull Hector quem salvou a vida de quatro crianças, que dormiam enquanto a casa estava em chamas.


Leia mais

Aracaju: Vereador propõe criação de programa de castração de animais


A secretária da Saúde de Aracaju Goretti Reis e o adjunto Petrônio Gomes estiveram reunidos com o vereador Dr. Emerson (PT), o presidente do Sindicato dos Médicos Veterinários do Estado de Sergipe (Sindvese), José Paixão, e a presidente da ONG de Educação e Legislação Animal (Elan), Nazaré Moraes, na manhã desta segunda-feira, 29.  Em presença da coordenadora do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) de Aracaju, Roseane Nunes, os gestores  debateram a possível implantação de um programa de Esterilização e Castração de Animais que funcionaria no CCZ  caso seja aprovado na Câmara de Aracaju o projeto de Lei Nº 173/2012 .
Com a aprovação do projeto, Aracaju destinaria recursos para castração gratuita de animais domésticos abandonados ou em posse da população de baixa renda, possibilitando o controle populacional de animais urbanos. Durante a reunião, o vereador Dr. Emerson destacou que o principal beneficio é viabilizar uma política pública municipal que aponte claramente para o controle efetivo das zoonoses e para proteção dos animais, tendo impacto positivo na saúde pública.
Leia mais

PIRACICABA: Casa de joão-de-barro impede corte de árvore



Prefeitura de Piracicaba adiou o corte de uma árvore no Parque Prezoto por causa do ninho de uma ave

30/04/2013 - 09h59 | Gazeta de Piracicaba
faleconosco@rac.com.br

Foto: Del Rodrigues

A ave se instalou em um dos galhos da árvore e já deu sua primeira ninhada


Uma casa de joão-de-barro fez com que a equipe de corte de árvores da Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Sedema) adiasse o corte de um chapéu-de-sol, árvore de grande porte, na rua Cabo Alcides Trevisan, no Parque Prezoto, em Piracicaba.


A medida não agradou o morador, que compreendeu as razões da Sedema, mas que teme pelo risco de queda da árvore. "Faz três anos que fiz o pedido de corte. A árvore começou a morrer há cinco anos depois de ser atingida por um raio", contou Dirceu Cecílio Cardenas, 72.

Leia mais

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Câmara Municipal aprova a criação de hospital público veterinário em Salvador


Publicada em 29/04/2013
Foto: Divulgação

O projeto para a criação de um hospital público veterinário em Salvador foi aprovado na quarta-feira (24/4), pela Câmara Municipal de Vereadores.

A aprovação foi motivo de comemoração para a vereadora Ana Rita Tavares (PV), autora do projeto de indicação nº 03/13, e para todos os militantes da causa animal na capital baiana.

Outros dois projetos de indicação da vereadora também foram aprovados, o de número 96/13, para a criação da Secretaria Especial de Atenção aos Animais (SEDA) e o de número 141/13, que indica ao governador do Estado a criação da Delegacia Especial de Atenção aos Animais.

Leia mais

Na América Latina 67% preferem animal de estimação ao melhor amigo


INTERNACIONAL // PESQUISA
Publicado em 29.04.2013


37% dos entrevistados disseram sentir mais afeto por seu animal de estimação do que pela família
Foto: internet

Sessenta e sete por cento das pessoas admitiram preferir o animal de estimação ao melhor amigo, segundo uma pesquisa online feita esta segunda-feira (29) pelo site argentino Taringa!, da qual participaram pessoas de vários países da América Latina.

Segundo a pesquisa, 37% disseram sentir mais afeto por seu animal de estimação do que pela família e 35% preferem o bichinho ao seu parceiro.

Leia mais

Site organiza 'vaquinha' para ajudar animais carentes


POR FERNANDA PORTUGAL

Rio -  O que os cães desabrigados com as enchentes de Petrópolis, os cavalos abandonados nas ruas de Gravataí (RS), os gatos que perambulam por Brasília e os cavalos-marinhos ameaçados de extinção no litoral de Búzios têm em comum? Junto com outros animais carentes, eles estão inseridos no site Bicharia, que propõe ofinanciamento coletivo de projetos de auxílio a bichos em perigo.

A plataforma de ‘crowdfunding’ — nome técnico para a ‘vaquinha virtual’ — foi criada por um grupo de amigos de Porto Alegre (RS). Através dela, pessoas que tenham iniciativas de apoio aos animais têm a chance de postar seus projetos, após avaliação pela equipe do Bicharia. Quem gostar da ideia pode doar quantias em dinheiro para ajudar os projetos.


Donos do Bicharia: Henrique von Weidebach (E), Marcus Sá, Flávio Steffens de Castro e Hermann Albrecht, além de Marcelo Matzembacher Coelho | Foto: Divulgação


Leia mais

Monte Mor lança campanha de adoção 'Me leva pra casa'


ADOÇÃO
A iniciativa parte da Secretaria de Saúde da Prefeitura de Monte Mor e Departamento de Controle de Zoonoses da cidade
29/04/2013 |
Foto: Bianca Pissardo

Muitos animais esperam por adotantes em abrigos de toda a região


Fonte: Prefeitura Municipal de Monte Mor com edição de Bianca Pissardo, Bichos e Pets


A Secretaria de Saúde da Prefeitura de Monte Mor, por meio do Departamento de Controle de Zoonoses, está lançando a campanha “Me Leva pra Casa”, ação municipal de adoção de animais e posse responsável.


De acordo com a Diretora de Vigilância em Saúde, Simoni Pacheco, o objetivo da campanha é proporcionar a adoção dos animais que foram recolhidos pelo serviço de Zoonoses Municipal e que se encontram sadios e devidamente castrados.

 Leia mais

domingo, 28 de abril de 2013

Moradores tentam adotar filhote que sobreviveu a chacina em Blumenau


27/04/2013

Na terça-feira (23), irmãos de cadela foram encontrados mortos
Suspeita é que animais tenham sido queimados vivos.
Do G1 SC

Cadelinha foi batizada de Vitória após chacina
(Foto: Reprodução/RBS TV)

Após perder os cinco irmãos queimados no bairro Itoupava Central, em Blumenau, a cachorrinha batizada de Vitória é disputada para adoção. Na terça-feira (23), o fotógrafo Gilmar de Souza encontrou os animais queimados em uma pilha de lixo, mas apenas um sobreviveu. A suspeita é que os filhotes tenham sido queimados vivos.
A cadelinha que sobreviveu a uma chacina está sob os cuidados da voluntária Ula Schawaderer, integrante da Associação de Proteção aos Animais de Blumenau. "Estamos procurando o melhor lugar para ela, onde depois eu possa acompanhar e visitar", diz Ula.

Leia mais

Polícia Rodoviária flagra caminhão com 400 cabras na Fernão Dias


26/04/2013
Animais estavam sendo levados de forma irregular e sem espaço.
Motorista recebeu duas multas e deve responder por maus tratos a animais.
Do G1 Vale do Paraíba e Região


Caminhão que transportava cabras de forma irregular foi flagrado na Fernão Dias nesta sexta-feira (26).

(Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal)
Um caminhão com cerca de 400 cabras foi apreendido no km 47 da rodovia Fernão Dias, na altura de Atibaia. O flagrante ocorreu por volta das 16h desta sexta-feira (26). Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o dono do caminhão, que era também o motorista, estava transportando os animais da Bahia para Guarulhos, onde eles seriam engordados e vendidos.
Os animais estavam sem comida nem bebida, em um espaço muito pequeno, durante todo o trajeto. Cerca de 10 animais já estariam mortos, de acordo com a PRF. A vigilância sanitária aplicou duas multas  contra o motorista, que foi levado junto com o seu auxiliar para a delegacia e poderá responder por maus tratos a animais.

http://g1.globo.com/sp/vale-do-paraiba-regiao/noticia/2013/04/policia-rooviaria-flagra-caminhao-com-400-cabras-na-fernao-dias.html

Égua fica em estado grave após ser atropelada em avenida de São Carlos


28/04/2013
Animal estava solto junto com outro na região do Jardim das Torres.
Motorista não ficou ferido e polícia não identificou o dono dos bichos.
Do G1 São Carlos e Araraquara

Uma égua ficou gravemente ferida após ser atropelada por um carro em uma avenida de São Carlos (SP), na noite de sábado (27). O animal estava solto junto com outro cavalo na Avenida A, na região do Jardim das Torres. O motorista não se feriu.
O carro seguia pela avenida quando o condutor foi surpreendido pelos animais. Ele tentou frear, mas bateu em um deles. O Departamento de Defesa e Controle Animal da Prefeitura e a Polícia Militar foram acionados para fazer a retirada dos bichos e registrar a ocorrência.
O médico veterinário Marcelo Zorzenon socorreu a égua que foi encaminhada ao Canil Municipal para ser tratada. O outro cavalo foi apreendido. Ainda não se sabe quem é o dono dos animais.

Égua foi resgatada após ser atropelada em avenida (Foto: Mauricio Caporaso/arquivo pessoal)

http://g1.globo.com/sp/sao-carlos-regiao/noticia/2013/04/egua-fica-em-estado-grave-apos-ser-atropelada-em-avenida-de-sao-carlos.html

Sema vai voltar a recolher animais de grande porte abandonados em Londrina


26/04/2013
Sema vai voltar a recolher animais de grande porte abandonados em Londrina
Juliana Leite
A Secretaria Municipal de Ambiente (Sema), em Londrina, concluiu a licitação para recolhimento e apreensão de animais de grande porte. O contrato final com a empresa E. Fernandes Lopes compreende o pagamento de R$ 102 mil anuais, com estimativa mensal de R$ 8.500 de gastos aos cofres públicos.

O secretário de Ambiente, Cleuber Moraes Brito, explicou nesta sexta-feira (26) que na última semana ocorreu a assinatura do contrato. Ele comemorou a finalização do processo, que estava parado após a contestação de uma das empresas participantes da concorrência.

Leia mais

III Manifestação contra experimentos em animais em Campinas

Ocorreu neste domingo (dia 28.4.2013) das 10 as 12 hs no Centro de Convivência Cultural em Campinas a III Manifestação Anti Vivissecção e contra a Experimentação em Animais. A manifestação foi um evento pelo fim da tortura e exploração de animais em estudos e testes e a favor da utilização de métodos alternativos, onde todo tipo de vida seja preservado. Cerca de 60 manifestantes portaram faixas cartazes e distribuíram panfletos para a população. Um grupo fez uma encenação mostrando as atrocidades que são os experimentos em animais. 











sábado, 27 de abril de 2013

Mais de 100 animais são atropelados por mês nas ruas de Salvador e RMS


Cidade
Mais de 100 animais são atropelados por mês nas ruas de Salvador e RMS
Publicada em 27/04/2013 11:39:10
Foto: SXC/Creative Commons

O número de animais atropelados pode passar de 200, segundo a vereadora Ana Rita Tavares

São muitas as causas para o atropelo de um animal em vias urbanas. O grande número deles nas ruas, a irresponsabilidade dos guardiões e o descaso dos motoristas.
Para prevenir a grande quantidade desses acidentes em Salvador, a vereadora Ana Rita Tavares (PV) propôs à Prefeitura formular campanhas educativas para que pedestres, motoristas e agentes de trânsito contribuam para reduzir as mortes de cães, gatos e equinos na capital.

Leia mais

Lei que proíbe venda de pets em lojas gera polêmica


6/04/2013
Eduardo Martins | Ag. A TARDE

Segundo o projeto, animais domésticos só poderão ser vendidos em locais como canis e gatis

A aprovação do projeto de lei que proíbe a venda de animais em pet shops, de autoria do vereadorMarcell Moraes (PV), gerou polêmica entre parlamentares e proprietários destes estabelecimentos.
Marcell Moraes acredita que esta lei  vai coibir abusos e maus-tratos, pois em diversos estabelecimentos "os animais ficam expostos em gaiolas ou locais pequenos e abafados, algumas vezes expostos ao sol e ao sereno".

Leia mais

Bombeiros dos EUA recebem máscaras de oxigênio para animais


26/04/2013
Doação foi feita por ONG à corporação de San Diego, na Califórnia.
Teste com equipamento especial foi realizado com filhote de porco.
Do G1, em São Paulo

Filhote de porco é "atendido" por bombeiro durante teste com máscara de oxigênio própria para animais (Foto: Mike Blake/Reuters)

Um filhote de porco foi utilizado pelo Corpo de Bombeiros de San Diego, na Califórnia, Estados Unidos, durante testes com máscaras de oxigênio que foram concebidas especialmente para animais. A corporação recebeu a doação de 60 kits com esse equipamento de uma fundação sem fins lucrativos.

A organização não-governamental Fundação Emma Zen foca seu trabalho na segurança dos animais e levanta fundos para adquirir máscaras de oxigênio próprias para bichos domésticos, que depois são doadas a Bombeiros de várias partes do país.

Segundo a agência Reuters, esses equipamentos são concebidos para caber focinhos de diversos tamanhos e de uma grande variedade de animais.

http://g1.globo.com/natureza/noticia/2013/04/bombeiros-dos-eua-recebem-mascaras-de-oxigenio-para-animais.html

quinta-feira, 25 de abril de 2013

Violência entre homem e animal é tema de exposição em Brasília


Amores Perros', no Instituto Cervantes, fica em cartaz até 25 de maio.
São 13 quadros da artista Alice Lara que podem ser visto gratuitamente.
Do G1 DF

A artista plástica Alice Lara, ao lado de um dos quadros da exposição "Amores Perros", em cartaz no Espaço Cultural do Instituto Cervantes de Brasília (Foto: Aline Spezia/Divulgação)

A violência na relação entre o ser humano e o animal é o tema central da exposição “Amores Perros”, da artista plástica Alice Lara, em cartaz a partir desta quinta-feira (25), no Espaço Cultural Instituto Cervantes, em Brasília. Os 13 quadro pintados pela artista podem ser vistos gratuitamente, de segunda a sexta-feira, das 11h às 21, e aos sábados, das 9h às 14h, até 25 de maio.

A abertura da exposição acontece nesta quinta-feira, às 19h, e contará com visita guiada, com a presença da própria artista. Esta é a primeira mostra individual de Alice Lara, com a curadoria de Rachel Vallego.

Leia mais

(GO) Vereador Zander realiza audiência pública para discutir Hospital Público Veterinário


25/4/2013
DIÁRIO DA MANHÃ
Assessoria Zander

Será apresentada hoje, às 9h, no Auditório Jaime Câmara da Câmara Municipal, proposta de Hospital Público Veterinário, que servirá como um dos mecanismos para dar efetividade à Legislação Ambiental, além de outras medidas correlatas de proteção a saúde pública local

A proposta tem rendido diversas opiniões. Dentre elas, as de profissionais da área da saúde animal, ONG’s protetoras de animais, além da população em geral que se preocupa com o assunto. Pois a maioria dos animais que são abandonados nas ruas, ou entregues ao centro de zoonoses para a eutanásia, se dão ao fato de os proprietários dos animais não conseguirem arcar com os custos do tratamento.

Leia mais

São Roque - SP 1º Seminário Municipal em defesa dos animais, idealizado pelo vereador Guto Issa, foi um sucesso


25/4/2013 - São Roque - SP
da assessoria de imprensa da prefeitura de São Roque

Por iniciativa do vereador Guto Issa, com apoio do Deputado Federal Ricardo Izar Júnior, aconteceu em São Roque, na manhã deste sábado, o 1º Seminário Municipal sobre Políticas Públicas, Direito e Defesas dos Animais. O evento reuniu grande público, entre eles representantes da Sociedade Protetora de Animais, do Grupo VEDDAS, ONGs, biólogos, vereadores de São Roque e de outras cidades, e da sociedade em geral. Na Mesa dos trabalhos, além, do vereador Guto e do Deputado, estiveram o prefeito Daniel de Oliveira, o Fundador do Clube VISTA-SE (portal vegetariano), Fábio Chaves; e a assistente de campanhas do Grupo de Proteção Animal HSI –Humane Society Internacional, Luiza Damigo. Vários diretores da Prefeitura estiveram presentes, bem como os seguintes vereadores: Rozi Machado ( Ibiúna), Rodolfo Minçon ( Rafard), Marcelo (Rafard) e Karina ( Mogi das Cruzes) além de Alexandre Mandi e Etelvino (São Roque).



A Defesa dos direitos dos Animais :

O vereador Guto coordenou os trabalhos e abriu o Seminário informando sobre a construção em São Roque do Código de proteção Animal que está sendo preparado em conjunto com a Prefeitura, Ongs e Veterinários da cidade.


Leia mais

Operação apreende 1,2 mil animais contrabandeados na BA


Tucano traficado de São Paulo para a Bahia foi resgatado pela Polícia Rodoviária Federal durante operação coordenada pelo MPF-BA
Foto: Anderson Oliveira / vc repórter

Uma operação coordenada pelo Ministério Público da Bahia, por meio do Núcleo do São Francisco (Nusf), e com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e do Ibama, já apreendeu 1.240 animais silvestres contrabandeados.

A 30ª Fiscalização Preventiva Integrada teve início no último dia 15, e apreendeu animais silvestres mantidos ilegalmente em cativeiro nos municípios de Irecê, São Gabriel, Itaguassu da Bahia, Central, Ibititá e Lapão. Esta edição já soma o maior número de animais silvestres apreendidos desde a sua primeira edição, ocorrida em 2002.


Leia mais

Égua gravemente ferida é encontrada no Contorno Sul em Maringá


25/04/2013
Fábio Castaldelli
Uma égua, com duas patas gravemente feridas, foi encontrada ao lado de uma oficina mecânica, na avenida Prefeito Sincler Sambatti, Contorno Sul de Maringá, na manhã desta quinta-feira (25). O animal, acompanhado de um potro e um cachorro, aguarda equipe de veterinários da Prefeitura.

O proprietário da mecânica, José Roberto Moreira, afirma que quando chegou para trabalhar encontrou o animal deitado na rua, já ferido, em frente ao seu estabelecimento. Ele e um pedestre o ergueram e o amarraram em uma grade. A principal suspeita é que ele tenha sido atropelado durante a madrugada. "A égua, o potro e o cachorro já estavam atravessando a avenida de um lado para o outro desde terça-feira", diz.


Ricardo Silva

Suspeita é de que a égua tenha sido atropelada na madrugada desta quarta-feira



Leia mais

III Manifestação Anti Vivissecção e Experimentação Animal em Taubaté



Domingo 28 de abril, acontece em Taubaté a III Manifestação Anti Vivissecção e Experimentação Animal. A concentração será em frente o Quartel do 5º BPMI, seguida de uma passeata até a praça do Taubaté Shopping.
Este evento está ligado à organização não-governamental do grupo Cadeia Para Quem Maltrata os Animais, que atualmente conta com a participação de 155 mil pessoas em sua página no Facebook.
A realização do evento em Taubaté está sob a responsabilidade de Maria Cristina Lessa, Rosangela Coelho e Leticia Silva.
Leia mais

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Audiência pública discute abandono e maus tratos de animais no Paraná


Quarta, 24 Abril 2013  G1

Reunião será realizada nesta quarta-feira (24), em Cascavel.
Castração e o controle de zoonoses também serão discutidos.

Uma audiência pública será realizada na noite desta quarta-feira (24), às 19h, na Câmara de Municipal de Cascavel, no oeste do Paraná, para debater o abandono e maus tratos de animais, castração, identificação de animais com chip e o controle de zoonoses. Proposta pelo vereador Paulo Porto (PCdoB), a discussão será coordenada pela Comissão de Saúde e Assistência Social do Legislativo.

Na ocasião, a diretora de Saúde e Vigilância da Secretaria Municipal de Saúde, Rosangela Favarin, apresentará detalhes do projeto do Centro de Controle de Animais de Pequeno Porte. O projeto está pronto e foi elaborado em parceria entre a secretaria de Saúde e a Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste). O terreno também já está disponível, sendo uma área de 1.594 metros quadrados na região do Lago Azul.
Leia mais

Salvador: Projeto que proíbe venda de animais em pet shops é aprovado


Compra de animais somente será permitida em canis credenciados
O Projeto de Lei que proíbe a venda de animais em Pet Shops de Salvador foi aprovado por unanimidade pela Câmara Municipal de Vereadores, nesta quarta-feira, 24. A proposta, do vereador Marcell Moraes (PV), ainda precisa ser sancionada pelo prefeito ACM Neto, o que, segundo o vereador, deverá acontecer entre quinze a noventa dias.
Caso o projeto vire lei, os Pet Shops têm até 120 dias para se adequarem às novas regras e ficam proibidos de comercializar animais de estimação. A compra somente será permitida em canis credenciados.
"É o primeiro projeto de lei da área animal que foi aprovado na câmara. A gente sabe que muitos animais são maltratados nos pet shops e ficam no frio e com fome. Além disso, fizemos uma pesquisa e constatamos que 30% dos cem mil animais que estão abandonados em Salvador foram comprados nesses estabelecimentos", ressaltou o vereador.
Leia mais

Vacinação de cães contra a cinomose acontece em bairro de Praia Grande


Neste sábado (27), das 9 às 11 horas, os cães serão vacinados na Rua 18 do Canal, ao lado do número 8612, Jardim Anhanguera

Da Reportagem

A “Campanha pela Erradicação da Cinomose” será promovida no neste sábado, 27 de abril, das 9 às 11 horas, no espaço existente na Rua 18 do Canal, ao lado do número 8612, Jardim Anhanguera.

A vacinação é uma campanha da Anclivepa-SP (Associação Nacional dos Clínicos Veterinários de Pequenos Animais) com apoio da Biovet e do Deputado Federal Ricardo Tripoli, PSDB-SP. A iniciativa visa conscientizar os proprietários de cães a respeito da importância de manter seus animais protegidos contra essa grave doença.
Leia mais

Vereador apresentou projeto que proíbe realização de rodeios e vaquejadas em Atibaia


Cidade - 24/04/2013 -


“Eventos como esses não justificam a crueldade, a tortura e os maus tratos aos animais”, afirmou Paulo Jesus



Na sessão da Câmara de Atibaia, realizada na segunda-feira, (15), o vereador Paulo Fernando Lara Pereira de Araujo, o “Paulo Jesus”, do PSB, apresentou projeto de lei que proíbe a realização de rodeios, vaquejadas e farras de boi no município de Atibaia.

Pelo projeto, “Exposições rurais ficam condicionadas, além das normas do Ministério da Agricultura, ao laudo técnico específico, emitido pelo órgão sanitário, em conjunto com a Sociedade Protetora dos Animais. Rodeios, vaquejadas e farras de boi ficam expressamente proibidas no Município da Estância de Atibaia”.

Leia mais

(PR) Justiça proíbe "acumuladora" de recolher novos animais


23/04/2013
Redação Bonde com MP/PR

A Justiça determinou que uma moradora do bairro Xaxim faça, num prazo de trinta dias, a limpeza do lixo e do entulho acumulado no imóvel, além de encaminhar os animais sob a responsabilidade dela (oito cachorros e nove gatos) para tratamento de saúde. Em caso de descumprimento da decisão, a acumuladora está sujeita a multa de R$ 100 por dia.

A decisão liminar foi concedida no último dia 18, a partir de uma ação civil pública movida pelo promotor de Justiça Sérgio Luiz Cordoni, da Promotoria de Justiça de Proteção ao Meio Ambiente de Curitiba.

Leia mais

Justin Bieber abandona Mally, macaco de estimação apreendido na Alemanha


ENTRETENIMENTO
Justin Bieber abandona Mally, macaco de estimação apreendido na Alemanha
Papelpop 24 Abril de 2013 -


Justin Bieber pode ser um adolescente bonzinho, mas não é exatamente amiguinho dos animais de estimação dele. Pelo menos é o que conta o site Huff Po britânico.
Há cerca de um mês, o cantor levou Mally, seu macaquinho de estimação, para um show na Alemanha.
No entanto, por falta de documentação legal, as autoridades resolveram deixar o animalzinho por lá.
Acha que Justin foi atrás da legalização? Nada!
Leia mais

PETA matou 89,4% dos cães e gatos para adopção em 2012, optando por campanhas com celebridades


Ensino |Ciência e Tecnologia |Ambiente
O Centro para a Liberdade do Consumo (CCF) lançou esta quarta-feira o seu relatório anual sobre a organização People for the Ethical Treatment of Animals (PETA) e os dados são embaraçosos. No seu centro para adopção em Norfolk, constatou-se que a PETA matou 89,4% dos animais à sua guarda em 2012.

Apesar de anos de campanha contra a eutanásia, o grupo de defesa dos direitos dos animais continua a matar animais em condições de adopção à razão de 30 por semana.

Leia mais

Prefeitura de Rio Claro vai leiloar seis equinos no sábado


Em 24/04/2013 -
Por: Redação Canal Rio Claro

A Prefeitura de Rio Claro realiza no próximo sábado (27) leilão de animais de grande porte. Serão leiloados seis equinos, três machos e três fêmeas.

O leilão terá início às 9 horas, no Centro de Recolhimento de Animais de Grande Porte, localizado na Rua João Polastri, sem número, no antigo Matadouro, no Jardim Itapuã.

Leia mais

Merecida aposentadoria: Elefanta Lady encontra abrigo em JP após décadas de circo


23/04/2013No dia 10 de abril, Lady chegou em João Pessoa. Depois de 35 anos viajando pelo Brasil de cima a baixo e entretendo pessoas, ela vai ganhar um merecido descanso. Uma bela aposentadoria, e o lugar escolhido para o repouso é a Capital paraibana. Ah, sim, Lady é uma elefanta-indiana de três toneladas.
Dentro de aproximadamente três meses, a elefanta será transferida para sua nova casa, no Parque Zoobotânico Arruda Câmara, a Bica. Lá ela terá um recinto apropriado para o seu tamanho e uma alimentação saudável. No momento, Lady está abrigada no Circo Internacional Europeu, que está instalado nas proximidades do Aeroclube, no bairro do Bessa.
Leia mais


terça-feira, 23 de abril de 2013

Guardas flagram casal abandonando filhote de Vira-lata em Valinhos, SP


23/04/2013
Cachorro foi abandonado às margens da Rodovia Francisco Von Zuben.
Um boletim de ocorrência foi registrado para averiguação de abandono.
Do G1 Campinas e Região


Cachorro foi abandonado às margens de rodovia
(Foto: Divulgação / Guarda Municipal de Valinhos)
A Guarda Municipal flagrou nesta terça-feira (23) um casal no momento em que ele abandonava um filhote de cachorro às margens da rodovia que liga Valinhos a Campinas (SP). A dupla foi detidas e um boletim de ocorrência foi registrado para averiguação de abandono de animal, segundo os guardas.
Os guardas municipais faziam patrulhamento no local quando flagraram uma jovem saindo de um veículo modelo Pálio e deixando o cachorro às margens da Rodovia Francisco Von Zuben, sentido Campinas.
Segundo os guardas, o cãozinho foi empurrado em um barranco próximo à via, mas retornou e seguiu a jovem de novo a caminho do carro. Ao avistar a viatura da Guarda Municipal, a jovem teria retornado para o veículo estacionado levando o filhote com ela.
Além de registrar o boletim de ocorrência para averiguação de abandono, a Guarda expediu um termo de responsabilidade, assinado pelo casal. A GM explicou que, agora, vai monitorar o caso pelos próximos seis meses e o casal terá que comprovar a doação ou a venda o filhote.
http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/2013/04/guardas-flagram-casal-abandonando-filhote-de-vira-lata-em-valinhos-sp.html

Corte legal! Legal?


Cientistas propõem legalizar o comércio de chifres de rinocerontes para conter a matança desses bichos. A ideia é promover o corte ‘humanizado’ em animais vivos ou mortos por causas naturais, conta Cássio Leite Vieira na revista CH de abril.
Por: Cássio Leite Vieira

Publicado em 23/04/2013 |


O mercado negro de chifres de rinocerontes cresce e a matança desses animais aumentou assustadoramente: sete animais em 2000; 668, no ano passado. Nessa taxa, em duas décadas, talvez, os rinocerontes estejam extintos. (foto: Geoff York)
Escolha a melhor opção, segundo suas convicções éticas: i) matar um rinoceronte para arrancar-lhe o chifre; ii) mantê-lo vivo e cortar-lhe o chifre, que volta a crescer. Ambas eticamente repugnantes? Bem, a fêmea de rinoceronte branco da imagem provavelmente só está cuidando do filhote porque alguém optou pela segunda alternativa.

A proposta de legalizar o comércio de chifres de rinocerontes é de quatro renomados cientistas. Justificativa: o embargo global de produtos vindos desses animais falhou. E o mercado negro de chifres cresce – 1 kg de chifre chega a R$ 130 mil (1 kg de ouro é R$ 100 mil).

Leia mais

Projeto do Prof. Paulo Jesus proíbe realização de rodeios e vaquejadas em Atibaia


23/04/2013
Eventos como esses não justificam a crueldade, a tortura e os maus tratos aos animais, afirmou
Na sessão da Câmara de segunda-feira, dia 15 de abril, foi apresentado um projeto de lei que proíbe a realização de rodeios, vaquejadas e farras de boi no município de Atibaia. A iniciativa é do vereador Paulo Fernando Lara Pereira de Araujo, o Prof. Paulo Jesus.

Pelo projeto, o artigo 37 da Lei n° 3209/2001, alterada pela Lei n° 3266/2002, que dispõe sobre o Controle da População Animal, Prevenção e Controle de Zoonoses e Proteção aos Animais, passa a ter a seguinte redação: “Exposições rurais ficam condicionadas, além das normas do Ministério da Agricultura, ao laudo técnico específico, emitido pelo órgão sanitário, em conjunto com a Sociedade Protetora dos Animais. Rodeios, vaquejadas e farras de boi ficam expressamente proibidas no Município da Estância de Atibaia”.

Leia mais

Manaus: ‘A lei é muito tênue no tratamento com os infratores’, diz delegada


Maus-tratos a animais: ‘A lei é muito tênue no tratamento com os infratores’, diz delegada
Para a delegada titular da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente e Urbanismo (DEMA), Izolda Castro, o denunciante de maus-tratos a animais deve registrar o caso em delegacias, para que se instaure uma investigação criminal

Manaus, AM, 22 de Abril de 2013
ACRITICA.COM

O gato Belo sumiu de casa na noite do último sábado (20) e retornou na manhã de domingo (21) com ferimentos no rabo e no ânus (Divulgação)
Referente ao caso de maus-tratos a um gato em Iranduba, que sofreu ferimentos na região do rabo e do ânus e foi noticiado pelo acritica.com nesta segunda-feira (22), a delegada titular da Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente e Urbanismo (DEMA), Izolda de Castro, afirmou que os procedimentos corretos ao se tomar em relação a animais nesta situação é levá-los às Organizações Não-Governamentais (ONG’s), quando os tutores não possuem condições de custear o tratamento adequado ao bichano.

“Em relação às partes criminais, o denunciante deve ir até a Delegacia de Polícia, fazer um Boletim de Ocorrência (B.O.), e preencher um Termo de Declaração, onde relatará informações importantes como endereço e possíveis suspeitas de quem teria cometido o ato. É importante também se munir de laudos veterinários para provar a materialidade do fato. Nesse caso, seria aberta uma investigação criminal, para que se reúna indícios o suficiente de autoria para elaborar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e enviá-lo ao Judiciário”, destacou a delegada.

Ainda segundo Castro, o praticante de violência contra animais, se encontrado e indiciado, responderá contra maus-tratos, conforme o Artigo 32, Lei 9.605/98 de Crimes Ambientais.

“A pessoa responde a um procedimento chamado Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO), que cabe a crimes de menor potencial ofensivo (no qual se enquadra os crimes de maus-tratos a animais) e responde em liberdade. Nestes termos, infelizmente a lei é muito tênue no tratamento com os infratores”, acrescentou a titular da DEMA.

Redes sociais são utilizadas como forma de buscar ajuda aos animais

Já a vice-presidente da Ong Proteção, Adoção e Tratamento Animal (PATA), Joana Darc Cordeiro, recordou que, assim como a denúncia levantada pela reportagem, a organização recebe pelo menos 10 do gênero por dia.

“No caso do gato Belo, ele precisa vir para Manaus e ser levado a uma clínica veterinária. Para ele, precisamos conseguir um transporte para trazê-lo para cá e doações, pelo fato da Ong não ter abrigo e não ter verbas o suficiente. Somos nós quem custeamos tudo. Ajudamos no intuito de não deixar o animal desamparado”, levantou Cordeiro.

Ainda segundo Joana, as formas para angariar ajudas ao gato e a outros animais maltratados extrapolam o mundo físico e abrangem o apelo às redes sociais.

“Vamos postar a foto de Belo no facebook da Ong no intuito de divulgar e fazer com que alguém se disponha a ir lá buscá-lo. Criaremos também uma conta no banco para reunir as doações financeiras a favor do animal machucado”, assegurou a vice-presidente, que disponibilizou o e-mail joanadarc.cordeiro@hotmail.com e (92) 8188-0380, da Ong PATA, para os interessados em ajudar com o caso do gato Belo.
http://acritica.uol.com.br/noticias/Manaus-Amazonas-Amazonia-tenue-tratamento-infratores-titular-DEMA_0_905909438.html

Mais um gato é vítima de maus-tratos em Iranduba (AM)


O felino ‘Belo’ sofreu laceração anal e teve que passar por um procedimento cirúrgico após ser vítima de maus-tratos. A polícia de Iranduba investiga o caso. No começo do ano outro caso de violência contra animais chamou a atenção no local. À época um homem quase matou um gato a mordidas

Manaus, AM, 22 de Abril de 2013
ACRITICA.COM

O gato Belo sumiu de casa na noite do último sábado (20) e retornou na manhã de domingo (21) com ferimentos no rabo e no ânus (Divulgação)
Após encontrar seu gato de estimação com ferimentos no rabo e no ânus, o tutor do animal registrou um boletim de ocorrência nesta segunda-feira (22) na delegacia da polícia civil do município de Iranduba (a 25 quilômetros de Manaus). De acordo com o laudo veterinário, o gato sofreu laceração perianal provocada por material cortante, o que se assemelharia a um estupro, se tivesse ocorrido em um humano. Em janeiro deste ano outro caso envolvendo maus-tratos a um gato chocou a população. Um vídeo flagrou um homem que atacou um gato a mordidas.

O tutor do animal, A.R.S.M, 20, ajudante de pedreiro – que preferiu não ser identificado por questões de segurança –, disse que o gato possui sete meses de idade, chama-se Belo e é extremamente manso. “Ele costuma ficar sentado em frente de casa, e no sábado (20) alguém passou e o pegou, sem que víssemos. Às 19h, fomos chamá-lo para dar ração e ele não apareceu. No outro dia (domingo, 21), às 5h30, ele reapareceu em casa com o rabo cortado e o ânus rasgado, miando como se estivesse gritando e sangrando bastante nas regiões feridas”, afirmou.

Leia mais

Nota:
Entenderam por que um gato não pode ter acesso à rua?

segunda-feira, 22 de abril de 2013

Petição contra Rodeios em Valinhos (SP)


Assine aqui

Pela não aprovação da moção do vereador Rodrigo Toloi que pede a realização da festa do peão de boiadeiro na cidade

Hoje é cada vez maior a preocupação com os Direitos Animais. Eventos que incluem crueldade contra os animais são cada vez mais alvos da mobilização do ativismo. Em tantas outras cidades vemos a proibição das festas de peão e Valinhos segue na direção contrária, com a discussão e possível aprovação dessa moção. A exploração animal, o risco de morte para homens e animais já por si só caracterizam uma atividade imoral e cruel. Como ativistas dos direitos animais repudiamos e solicitamos a participação da população nessa mobilização contra a moção.

REVOLTA: Vereador de Valinhos quer incluir rodeio em calendário da cidade e gera revolta


Festa do Peão de Boiadeiro é criticado por defensores de animais
22/04/2013 |
Foto: Divulgação

Rodeio


Com informações de Notícia Animal / Juliana Castro com edição e de Bianca Pissardo, Bichos e Pets



A sessão legislativa ocorrida em 16/04, na Câmara Municipal de Valinhos, interior do Estado de São Paulo, preocupou os ativistas que atuam em defesa dos direitos dos animais.


Durante o encontro, o vereador Rodrigo Toloi (PT) apresentou uma moção destinada ao prefeito Clayton Machado (PSBD) solicitando para que a Secretaria de Cultura inclua no calendário municipal a Festa do Peão de Boiadeiro. Este modelo de festival é duramente criticado pelos defensores de animais que alegam que as provas causam estresse físico e mental, além de abuso, ferimentos, mutilação e transtornos psicológicos nos animais participantes.

Embora a moção represente unicamente um ensejo do parlamentar ao chefe do Poder Executivo, sem aplicabilidade imediata efetiva, a aprovação do documento em plenário coloca em xeque o posicionamento da Câmara Municipal sobre a questão.

Quem é contra e quem é a favor do rodeio
A moção foi aprovada por 11 dos 13 parlamentares que compõem a Casa de Leis, sendo que apenas os vereadores César Rocha (PV) e Dr. Pedro Damiano (PR) votaram contrários ao pedido de Toloi.

Na manhã da última sexta-feira, 19, a Organização de Proteção Animal (OPA) publicou uma nota de repúdio aos vereadores que se posicionaram favoráveis a moção.

"Enquanto tantas outras cidades se direcionam em favor dos Direitos Animais, a nossa, vergonhosamente dá um passo para trás. Permitindo a exploração Animal em nome de atividades capitalistas e cruéis! Atividades que visam apenas lucros e desvalorizam a promoção da vida e o bem estar das criaturas", reforça a nota pública da ONG.

A entidade encoraja os ativistas a unirem-se neste repúdio a moção em carta escrita ao prefeito Clayton Machado (gabinetedoprefeito@valinhos.sp.gov.br), bem como ao autor da moção, vereador Rodrigo Toloi (vereadortoloi@camaravalinhos.sp.gov.br).

"Você também pode e deve se indignar, e se manifestar contra esse atentado a vida e ao respeito aos animais", enfatiza a ONG.

Manifestação 'Valinhos não quer rodeios'
A Ong OPA ainda organiza uma manifestação na Câmara Municipal de Valinhos no próximo dia 30 de abril, terça da semana que vem, que visa barrar a decisão de volta de rodeios na cidade.

Na FanPage da Organização não Governamental, é possível ver as normas como tamanhos de faixa e outras instruções como:

-Animais não deverão ser levados à manifestação;

-Sugerimos a utilização de camisetas de cor vermelha para representar o sofrimento e morte que tais eventos propiciam;

- Os manifestantes deverão levar sacolinhas para a coleta do lixo;

- Os manifestantes poderão levar cartazes e faixas com as seguintes frases - 'Valinhos não quer rodeios' , 'Rodeio é um crime cruel contra animais', 'Não queremos sangue em nossa cidade', 'Crimes contra animais devem ser punidos com rigor', e outras parecidas;

- Frases ofensivas e que incitam a violência não serão permitidas;

- As faixas deverão ter no máximo 2m de largura;

Horário: todos os manifestantes deverão estar presentes às 18h30 em frente a Câmara Municipal de Valinhos para uma manifestação pacífica, porém, democrática e em favor dos animais.

http://www.rac.com.br/_conteudo/2013/04/especial/bichos_e_pets/51391-vereador-de-valinhos-quer-incluir-rodeio-em-calendario-da-cidade-e-gera-revolta.html

Unicamp pratica holocausto de animais em nome da ciência


fonte: http://www.midiaindependente.org/pt/blue/2013/04/518602.shtml

Por Libertação Animal

Acho que já está na hora de divulgar os dados pessoais dos pesquisadores da Unicamp que estão fazendo o holocausto animal dentro da Universidade. O dinheiro das pesquisas vem do nosso bolso e temos o direito de saber quem está fazendo o quê...

Cadeia para quem maltrata os animais

Vamos tentar incomodar os "intocáveis" da UNICAMP?
Escrever para: " cepe@sg.unicamp.br" , " imprensa@unicamp.br" , " proc-geral@pg.unicamp.br" , " consu@sg.unicamp.br" , " cad@sg.unicamp.br" , " secrgeral@sg.unicamp.br" , " cpdi@rei.unicamp.br" , " cocen@reitoria.unicamp.br" , " ouvidoria@mp.sp.gov.br" , " comunicacao@mp.sp.gov.br" , " falecom@crmvsp.org.br" , " veja@abril.com.br" ,

Título à sua livre escolha: (tema biotério da Unicamp)

Carta-modelo:
Prezados Senhores,

Com muita tristeza e angustia tomei conhecimento que a Universidade Estadual de Campinas - Unicamp, possui entre seus prédios no campus, um biotério para criar e manter cachorros, coelhos e outros animais sencientes, que serão dissecados e assassinados para "ensinar" os futuros doutores que irão cuidar de nossos filhos.
Em compasso com universidades de renome, o uso de simuladores cumpriria muito bem esta função, com vantagens em termos de ensino aprendizagem.

Utilizar animais em pesquisas e a vivissecção no ensino são práticas atrasadas, medievais, incompatíveis com a moderna ciência. O chamado "modelo animal de pesquisa" já foi desmascarado.

Felizmente os fatos estão se tornando cada vez mais públicos, saindo das masmorras internas da Unicamp e outros redutos vivisseccionstas no Brasil e e no mundo onde são executadas atrocidades cruéis e desnecessárias, cujo único intuito parece ser beneficiar pesquisadores incompetentes, incapazes de produzir protocolos de pesquisa que de fato possam vir a trazer benefícios para a saúde humano.

Mantemos a Unicamp com o suor de nosso trabalho, pagando impostos. E certamente NÃO para que o atraso científico seja perpetuado em nome de uma ciência hoje reconhecida como fraudulenta, além de anti ética. TAMPOUCO lhe subsidiamos para perpetuar a tortura de animais.

Exigimos que sejam eliminadas imediatamente toda e qualquer prática que utilize animais em ensino e pesquisa. E que a prática da vivissecção, melhor descrita como assassinato qualificado de cães e outros animais, seja imediatamente descontinuada na Unicamp.

Abominamos que na era da pesquisa em células tronco e dos BIO CHIPS (chips que contém células humanas), por incompetência em adotar métodos substitutivos e absoluta falta de ética na procura de conhecimentos e técnicas eficazes e éticas de pesquisa, a Unicamp continue a usar animais não humanos.
Homens não são ratos.
Nem cães, nem coelhos, nem primatas.
Um câncer induzido em um rato e curado NÃO é o mesmo que um câncer desenvolvido naturalmente em humanos.
Mas com certeza disto os Senhores já sabem há muito tempo.

Solicitamos que o biotério da Unicamp seja imediatamente fechado. E que o dinheiro que aí despejamos à nossa revelia, sob a forma de impostos, seja revertido para técnicas reais de pesquisa científica e não apenas para a validação de professores medíocres e pseudo-cientistas que se auto certificam, com publicações medíocres que em nada beneficiam a medicina humana.
Ver a petição:  http://www.peticaopublica.com.br/?pi=UNICAMP1

Desprezamos, por serem absolutamente antiéticas, a iniciativa da Unicamp e outras instituições de criarem comissões de ?ética? para tentar legitimar o uso de animais não humanos no ensino e pesquisas.

Confiante que os senhores não fecharão os olhos a monstruosidade e anacronismo, não tamparão os ouvidos para as súplicas de dor dos torturados e de quem aqui lhes escreve, solicito que se empenhem destemidamente no atendimento das exigências acima.

Hoje nossos argumentos vão muito além da nossa simples indignação ética. Estamos falando de FATOS e MODELOS de PESQUISA já existentes e que poderiam ser desenvolvidos em sua instituição, aí sim contribuindo para o bom nome da mesma.
A ciência não progride através da repetida tortura em modelos sabidamente falidos de pesquisa. Faz-se necessário dar um salto comprometido em direção ao futuro, com o desenvolvimento e aplicações de modelos de pesquisa sabidamente capazes de fornecer os resultados capazes de favorecer a espécie humana.

A FRAUDE da experimentação animal já foi desmascarada.

Atenciosamente, na esperança de que a mediocridade e a impostura deixem de prevalecer num futuro breve,

(seu nome e cidade)

Bombeiros resgatam animal que caiu em poço no Oeste de SC


Boi caiu em um poço em uma propriedade de Herval D´Oeste.
Bombeiros utilizaram cordas e laçaram o animal para que não afundasse.
Do G1 SC


Animal foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros
(Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Um boi foi resgatado após cair em um poço em Herval D´Oeste, no Oeste de Santa Catarina. O resgate foi feito pelo Corpo de Bombeiros, com a ajuda de uma retroescavadeira e do proprietário do animal. O acidente ocorreu na última quinta (18) e nesta segunda-feira a corporação divulgou o resgate.
De acordo com o cabo Fedrigo, o chamado foi feito por volta das 11h da manhã, na Linha Barra Verde, no interior do município. Os bombeiros utilizaram cordas e laçaram o animal, para que não afundasse, pois somente a cabeça não estava submersa.
 Leia mais

S. Caetano do Sul: Ong faz parceria com a Polícia Militar para combater maus tratos aos animais


22/04/2013
Ong faz parceria com a Polícia Militar para combater maus tratos aos animais


Da Redação

A Ong SOS Cidadania Animal, presidida pelo ativista da causa Ubiratan Figueiredo, e a 3ª Cia do 6º Batalhão da Polícia Militar de São Caetano do Sul, sob o comando do Capitão Robinson Castropil, firmaram uma parceria no combate aos maus tratos no Município. Castropil atendeu a solicitação da ONG e disse estar atento à questão dos maus tratos e abandono de animais.
Ubiratan informou ao Capitão sobre alguns casos suspeitos na cidade. Conversaram sobre as leis de maus tratos, lei do cão comunitário e tantos outros fatores ligados à causa. O Comandante, ainda, confidenciou sua paixão pelos animais e que está disposto a atender pedidos da proteção no auxílio ao combate da imposição de sofrimento aos animais, tanto os de rua, quanto os sob tutela de famílias.

Leia mais

Vazamento de óleo da ExxonMobil mata mais de 200 animais nos EUA


Mundo
por ANDA - Agência de Notícias de Direitos Animais
Publicada em 20/04/2013

Marreco de asa azul, quase sem óleo no corpo após três banhos
O vazamento de óleo ocorrido em instalações da ExxonMobil no Arkansas, Estados Unidos, dia 16 de abril, já matou pelo menos 205 animais, segundo um porta voz da multinacional americana de petróleo e gás.
David Eglinton, funcionário da ExxonMobil, disse que 238 animais foram capturados e levados com sucesso à HAWK, um centro veterinário próximo, em uma tentativa de minimização do prejuízo à fauna local, e outros 62 foram declarados mortos na chegada, o que significa que eles ou foram achados mortos ou morreram ao longo do transporte entre as áreas afetadas e a unidade responsável pela limpeza ambiental.
Dos 238 capturados, 14 morreram e 64 puderam ser libertados, aumentando o total de mortos após a captura para 76. Um pato, três tartarugas e 125 cobras foram submetidos à eutanásia.
A Exxon afirmou em comunicado que a Comissão Unificada para a Caça e Pesca do Arkansas autorizou a eutanásia em casos de animais em estado crítico ou representando risco ao pessoal responsável pela limpeza.
A empresa alegou que os patos e tartarugas foram mortos com base na opinião de um especialista que afirma que eles não teriam como sobreviver, e que a taxa de aparecimento de cobras venenosas diminuiu nas áreas da limpeza. Também foi dito que quando a limpeza for finalizada, a população de cobras voltará a níveis normais, compatíveis com o habitat.
Outros 22 animais foram soltos dia 17 de abril, sem mais mortes anunciadas.

http://www.tribunadabahia.com.br/2013/04/20/vazamento-de-oleo-da-exxonmobil-mata-mais-de-200-animais-nos-eua

Sepda procura cavalo sob suspeita de maus-tratos em Paquetá


Por O Globo | Agência O Globo –
Uma equipe da Secretaria Especial de Proteção e Defesa dos Animais (Sepda) realiza, na manhã deste domingo, uma operação para salvar um cavalo em Paquetá que pode ter sido vítima de maus tratos de charreteiros. O secretário Claudio Cavalcanti embarcou, junto com um veterinário, em um helicóptero na Lagoa Rodrigo de Freitas em direção à ilha, logo depois de receber a denúncia de que o animal estava caído.
Moradores do local afirmam que o animal caiu no sábado com sinais de fraqueza. Havia marcas de sangue no local. Depois de voltar às baias neste domingo para verificar o estado do cavalo, o morador Nelson Costa relatou que o animal havia sido retirado.
Leia mais

Adoção de cães e gatos dobra em quatro anos


21/04/2013
Já as eutanásias entre os animais internados no CCZ teve queda de 28% no mesmo período na capitalEDUARDO ATHAYDE
eathayde@diariosp.com.br
A adoção de cães e gatos na capital cresceu 116% em quatro anos, segundo o CCZ (Centro de Controle de Zoonoses). Em 2009, 643 animais ganharam um lar definitivo. Em 2012, foram 1.392 “resgates”.

Já os submetidos à eutanásia internados no CCZ (que receberam algum tipo de tratamento veterinário para evitar o procedimento) caíram 28%, passando de 636 em 2009 para 177 em 2012. As mortes entre cães e gatos removidos com urgência (levados para o CCZ somente para o sacrifício) teve redução de 39%, passando, no mesmo período, de 3,8 mil para 1,5 mil.
 Leia mais

Cães na USP dividem opiniões


por  Janaina Frioli
A comunidade universitária convive com cães soltos no campus da capital. Voluntários, pesquisadores, órgãos de controle animal e diretorias das faculdades têm visões diversas sobre o problema. Enquanto cuidadores de cães temem que animais sejam maltratados, diretorias receiam que os animais possam ter comportamento agressivo.

Segundo o Programa de Monitoramento Animal do Campus da Capital (ProMac), a população de cães errantes (soltos) no Campus do Butantã oscila entre 35 e 45 indivíduos. Destes, 25 já foram identificados. O restante dos animais compõem um grupo que vive na região da reserva florestal do Instituto de Biociências. “Por serem bastante assustados e arredios, o procedimento de abordagem destes animais envolverá a captura e a esterilização”, comenta o professor Ricardo Dias, que faz parte ProMac. Para melhorar o monitoramento de cães abandonados, a Faculdade de Veterinária da USP reuniu voluntários no Primeiro Workshop Sobre Cães Errantes.
Leia mais

(SP) SUS dos animais não dá conta


22/04/2013
Mesmo com prédio novo, hospital veterinário mantido pela Prefeitura não dá conta da demandaFERNANDO GRANATO
fernando.granato@diariosp.com.br
Triagem. Filas. Pacientes que chegaram de madrugada para receber a senha e só são atendidos à tarde. Essa dura rotina, que faz parte da vida dos brasileiros que dependem do serviço público de saúde, é compartilhada também pelos proprietários de animais que utilizam o único hospital veterinário gratuito de São Paulo. Inaugurado em julho de 2012, o local já  está abarrotado, principalmente de cachorros, gatos e seus donos.

Esse serviço, oferecido pela Prefeitura, funciona no Tatuapé, na Zona Leste, em dois endereços. No primeiro deles, na Rua Professor Carlos Zagotis, acontece a triagem, os serviços de raio-X, ultrassom  e de odontologia animal. No segundo, um prédio de três andares recém-inaugurado na Rua Serra do Japi, ficam os dois centros cirúrgicos, laboratórios de análises clínicas,  ala de internação com 30 leitos e consultórios.
Leia mais

Três homens são detidos tentando caçar animais em Lençóis Paulista


Mariana Cerigatt
Armas e material de caça foram apreendidos pela Polícia Ambiental de Barra Bonita após denúncia que indicava caça ilegal em uma fazenda de Lençóis Paulista (a 43 quilômetros de Bauru). O fato aconteceu no início da madrugada deste domingo (21).

De acordo com informações colhidas junto à delegacia de Lençóis, três acusados foram detidos no local. A polícia flagrou três “armadilhas” que eles teriam montado para caçar animais, além de quatro espingardas, facas, lanternas e munições. Todo o material foi recolhido e apreendido pela polícia. Até os policiais chegarem, nenhum animal havia sido abatido.

Leia mais

Polícia Militar apreende animal usado em farra do boi na capital de SC


21/04/2013
Bovino foi encontrado no bairro Pantanal; farristas não estavam no local.
Denúncia chegou à PM às 14h30; até as 17h, policiais cercavam o animal.
Janara Nicoletti
Do G1 SC


Animal foi encontrado correndo e ferido; foram necessários carros para cercá-lo (Foto: Osvaldo Sagaz/Divulgação)

A Polícia Militar atendeu uma denúncia de farra do boi no bairro Pantanal, em Florianópolis, na tarde deste domingo (21). Segundo a PM, moradores da região foram os responsáveis pela denúncia. Quando os policiais chegaram no local onde haveria a farra, por volta das 15h, não encontraram os farristas, apenas o animal.

Policiais aguardaram chegada de técnicos da Cidasc
(Foto: Osvaldo Sagaz/Divulgação)
De acordo com o comandante do 4º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Araújo Gomes, o boi estava machucado, correndo em uma via transversal à rua Deputado Antônio Edu Vieira.
Foram necessários cinco carros da corporação e dez policiais para conter o animal. Ele foi cercado em uma rua do bairro, onde permaneceu até pelo menos as 17h. Os policiais aguardaram a chegada de técnicos da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (Cidasc) para tomar os devidos cuidados com o animal.
http://g1.globo.com/sc/santa-catarina/noticia/2013/04/policia-militar-apreende-animal-usado-em-farra-do-boi-na-capital-de-sc.html

domingo, 21 de abril de 2013

Crimes contra animais recebem mais atenção da Justiça em Mato Grosso


Cidades    20/04/2013 -
Da Redação

Crimes cometidos contra animais ganham atenção especial dentro do Projeto de Lei 236/12 (projeto do novo Código Penal), discutido no Senado, que prevê penas maiores e mais rigorosas contra quem pratica maus tratos, abandono, omissão de socorro, pesca em período proibitivo, comércio ilegal, entre outras condutas previstas no texto discutido sobre crimes contra o meio ambiente.

Atualmente, a pessoa que fere o artigo 32 da Lei nº 9.605, de 12 de fevereiro de 1998, pode ser submetida à pena de detenção de três meses a um ano e multa. O texto discorre sobre a prática de abuso, maus tratos, ferimentos ou mutilação de animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos. A legislação prevê para os mesmos atos pena de prisão de 1 a 4 anos, conforme o artigo 391. Este é apenas um exemplo das mudanças que podem ocorrer.

Leia mais

Ministro da Saúde recebe petição pedindo fim da matança em CCZs


 Brasil 14h00, 20 de Abril de 2013

Divulgação

Padilha e Franson, na ALESP
O Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, recebeu em mãos na última quinta-feira, 18/04, uma petição contra o extermínio de animais nos Centros de Controle de Zoonoses (CCZs) em todo o Brasil, que pede políticas públicas éticas e eficientes para a questão do controle populacional de cães e gatos. O documento foi entregue pelo vereador José Franson, de Tatuí/SP, durante a Audiência Pública da Saúde, ocorrida na Assembléia Legislativa de São Paulo, com a presença de centenas de prefeitos, vereadores, secretários de saúde, deputados estaduais e federais.
A petição virtual foi lançada semanas atrás pelo vereador Franson e pela ONG Olhar Animal, e reuniu até o momento cerca de 19 mil assinaturas. O vereador diz que as políticas públicas nesta área são anacrônicas, pois ainda apontam para o extermínio como solução, contrariando inclusive diretrizes da Organização Mundial de Saúde, que desaconselham a matança. "Cerca de 38 animais são assassinados por minuto no país, pelas prefeituras", diz ele. O presidente da ONG, Maurício Varallo, afirma que o documento do Ministério da Saúde, que dá diretrizes para a construção de CCZs, está conceitualmente ultrapassado, fazendo menção até a câmaras de gás para o extermínio de cães e gatos". Diz ainda que "não há métodos éticos de extermínio, o extermínio em si é imoral. Ético é esterilizar".
O vereador Franson entregou ao Ministro também sua proposta para a solução da questão da superpopulação de animais: a implantação, em todo o país, do Projeto Postos Veterinários de Proteção aos Animais. Solicitou ao Ministro que envie um assessor a Tatuí, para acompanhar a implantação do projeto comandada pelo prefeito José Manoel Correa Coelho, o Manu, na cidade do interior de SP.
A petição virtual está disponível em http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoVer.aspx?pi=P2012N33864 e ainda aberta a assinaturas. O Projeto Postos Veterinários de Proteção aos Animais pode ser acessado em http://www.postosveterinarios.net.
Fonte: Olhar Animal
http://www.alagoas24horas.com.br/conteudo/?vCod=146391

Mais de 600 animais silvestres são apreendidos por entidades na BA


Ação aconteceu na sexta-feira (19) em Irecê, centro norte do estado.
Na quarta-feira, mais de 400 pássaros silvestres foram apreendidos.
Do G1 BA
2 comentários

 (Foto: Reprodução / TV Bahia)
Mais de 600 animais silvestres foram apreendidos na sexta-feira (19) na região deIrecê, centro norte da Bahia.

Ação está sendo realizada desde a segunda-feira (15) pelo Núcleo de Defesa da Bacia do São Francisco (Nusf) e entidades parceiras como o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), Fundação Nacional de Saúde (Funasa), Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab), Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Militar, Superintendência Federal de Pesca e Aquicultura (SFPA), Superintendência Regional do Trabalho (SRTE), Ministério Público Federal (MPF) e Ministério Público do Trabalho (MPT).

Leia mais

sábado, 20 de abril de 2013

Uberaba: Dono de canil irregular é preso por maus-tratos


Felipe Santos - 20/04/2013

Policiais militares do Meio Ambiente fecharam um canil no bairro Jardim Califórnia na manhã de ontem. Vinte e quatro cães de diversas raças foram apreendidos após o flagrante de maus-tratos por parte do dono do imóvel. M.S.G., que foi preso durante ação que contou com a participação de profissionais da Vigilância Sanitária, do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) e de voluntários da Sociedade Uberabense Protetora dos Animais (Supra).

O tenente Rivaldo Luciano de Oliveira afirmou que foi até o canil depois de uma denúncia anônima. “Fizemos o contato no local e percebemos que a situação era bastante precária em relação à alimentação, água, estrutura física do local e saúde dos animais”, revelou. O policial afirmou que o suspeito chegou a alegar que os cães faziam a segurança do imóvel. “De início, ele tentou uma saída, afirmando que os cães estavam lá para vigiar o terreno. Mas, posteriormente, constatamos que o local era usado para comércio”, disse o oficial.
Leia mais

sexta-feira, 19 de abril de 2013

Nave russa leva ratos, lagartos e caracóis ao espaço


AFP - Agence France-Presse
Publicação: 19/04/2013
Uma nave russa Soyuz decolou nesta sexta-feira do cosmódromo de Baikonur com ratos, lagartos e caracóis a bordo, para realizar experiências científicas durante um mês em órbita, visando a um possível voo a Marte.

"É uma verdadeira arca de Noé", comentou a televisão pública russa Vesti.

A bordo da nave espacial Bion-M viajam 45 ratos, oito pequenos roedores da Mongólia, os 15 lagartos, 20 caracóis e outros organismos vivos.

Leia mais

Crise na Espanha manda cavalos de raça para matadouros


A Andaluzia, província do sul da Espanha, famosa pelo flamenco e pelos castelos mouros, é também lar da lendária raça de cavalos que conduzia conquistadores para batalhas na América, que aparece em épicos de Hollywood e que, mais recentemente, se tornou um troféu para espanhóis durante os anos do boom econômico.


Em seu rancho na região central, Francisco Mesa, de 73 anos, cria exemplares da Pura Raça Espanhola (Pura Raza Española) com uma paixão que vem de anos mimando os elegantes animais reconhecidos pela inteligência e afeição ao homem. Ele entra no curral lamacento e imediatamente é cercado por éguas e potros que querem acariciá-lo com ternura, esquecendo-se de seu destino quase certo: o matadouro.


A não ser por um perdão improvável, os puro sangue de Mesa serão transformados em carne para exportação em julho. Eles são vítimas da crise econômica violenta que tem dizimado fortunas, feito empreendimentos imobiliários virar cidades fantasmas e deixado mais de um quarto da população desempregada.
leia mais

VALE DO JAGUARIBE Cães são sacrificados em lixão de Jaguaretama


19.04.2013
Denúncia anônima apontou maus-tratos a cães errantes no município, confirmados por veterinário local

Jaguaretama. Cachorros abandonados nas ruas estão sendo exterminados neste município, a 240 km da Capital, no Vale do Jaguaribe. Os animais estão sendo capturados sem o consentimento formal do coordenador de Zoonoses, o veterinário Erico de Medeiros, que havia suspendido a ação desde o ano passado, devido à falta de estrutura para abrigar os animais. A denúncia chegou ao conhecimento do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Ceará (CRMV).

Os cachorros foram abandonados nas ruas do município e apreendidos sem o consentimento da Zoonose. Ficam em um cômodo pequeno, na área do lixão, e depois passam por eutanásia, feita em local impróprio FOTO: ELLEN FREITAS

Os animais capturados nas ruas estão sendo levados para um local improvisado, instalado na área do lixão do município. É um cômodo pequeno, com apenas um vão, que mede cerca de 9m². Os animais ficam no local durante três dias, prazo dado pela lei municipal para ficar com a guarda dos animais, e depois são sacrificados. O sacrifício, realizado através de eutanásia humanitária, não é feito em ambiente adequado. Os animais são sacrificados no próprio lixão e depois tem seus corpos incinerados.

De acordo com Erico, desde outubro do ano passado o serviço de carrocinha havia sido suspendido por falta de estrutura e material. "Quando o dono não queria mais o cão, por qualquer motivo, ele entrava em contato conosco. Depois nós íamos lá recolher o animal e ele era sacrificado, por não haver um local adequado onde eles pudessem ficar. Nós só recolhíamos os animais abandonados pelos donos e os animais com exame confirmatório de leishmaniose para o sacrifício", explica.

O Setor de Zoonoses de Jaguaretama não possuiu um canil para onde os animais pudessem ser levados. O local deveria abrigar os animais abandonados, dividido por canis para separação dos saudáveis, dos doentes, fêmeas, machos e dos filhotes. Ao invés disso, há apenas uma casinha, construída no próprio lixão da cidade, onde todos os cães ficam juntos. Devido às condições precárias, o serviço de carrocinha não pode ser realizado.

Erico conta ainda que em fevereiro deste ano, uma semana antes do Carnaval, devido a um apelo popular, a Secretária de Infraestrutura do município começou a realizar o recolhimento dos animais de rua, sem o seu consentimento.

Os animais foram colocados na referida casinha, em péssimas condições que sempre predominaram no local. Lá, os cães ficam aguardando até o sacrifício, caso seu dono não reivindique sua tutela novamente.

Após saber do ocorrido, o veterinário conta que pediu para suspender a ação. "Eu soube já depois do Carnaval que isso vinha sendo feito. Em nenhum momento eu fui procurado para dar minha opinião sobre o assunto. Então eu pedi para suspender novamente o serviço justamente devido à falta de estrutura e material para atender estes animais", afirma.

No início do mês de abril, a atividade foi retomada novamente com iniciativa da Secretaria de Infraestrutura. O veterinário então procurou o titular da Secretaria de Saúde, Edimilson Pinheiro, para explicar a situação e dizer que o Setor de Zoonose não se responsabilizava pelas ações que estavam sendo adotadas no município.

"Eu cheguei para o secretário e falei o que estava acontecendo. Eu disse que eles poderiam ter chegado e conversado comigo. Daí eu iria dizer que precisaria concertar o canil, comprar o material para realizar o serviço, mas em nenhum momento isso aconteceu", lamenta.

No dia em que a reportagem esteve no município para checar a denúncia, feita por um morador que prefere não se identificar, havia dez animais no canil improvisado. Segundo afirmou ontem o veterinário, alguns destes animais já foram sacrificados. Ele explica que o processo é feito pela chamada eutanásia humanitária, onde o cachorro recebe uma dose de sedativo e depois a injeção letal. Depois disso, os corpos são incinerados. Tudo acontece dentro da área do próprio lixão.

Repercussão mundial

Em 2008, o Diário do Nordeste publicou, com exclusividade, a denúncia de que cães estavam sendo sacrificados em câmaras de gás, no Centro de Zoonose do Crato. A matéria repercutiu mundialmente e levantou inúmeras questões sobre o trato com estes animais.

De acordo com a presidente da União Internacional de Proteção Animal (Uipa), a advogada Geuza Leitão, no Interior o problema é muito maior devido à falta de apoio do poder público e da falta de consciência da população. "Nas grandes cidades, há inúmeros grupos de proteção animal que tratam de animais abandonados. Onde eles recolhem os animais de rua, levam para veterinários, fazem campanhas de adoção e tudo com a colaboração de anônimos. Infelizmente não é prioridade dos governos a proteção e cuidado com os animais", afirma.

Geuza encaminhou o caso de Jaguaretama para o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Ceará (CRMV). Até o fechamento desta edição, a reportagem não obteve retorno do CRMV sobre o problema.

Problema
"Nas grandes cidades há grupos de proteção animal, mas no Interior, as dificuldades são maiores para o trabalho."
Geuza Leitão
Presidente da Uipa

Mais informações
Coordenadoria do Setor de Zoonoses de Jaguaretama
Telefone: (88) 9985.1499
União Internacional de Proteção Animal - (85) 3261.3330

ELLEN FREITAS
COLABORADOR

http://diariodonordeste.globo.com/materia.asp?codigo=1256663

Asno abandonado é visto em porta de escola na zona sul de SP




O animal ficou parado na calçada da escola estadual
Foto: Luiz Carlos Barbosa / Futura Press

Um asno abandonado foi visto na manhã desta sexta-feira em frente a Escola Estadual Comendador Alfredo Vianello, no Jardim Vergueiro, na zona sul de São Paulo. O animal estava parado e aparentemente sem rumo em frente a uma das entradas do estabelecimento de ensino.

Casos de animais abandonados devem ser reportados ao Centro de Controle de Zoonoses da prefeitura, através do telefone 156. Animais de grande porte, como o asno, podem gerar acidentes graves ao cruzarem ruas e avenidas.


Leia mais

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Chapadão do Sul:Prefeitura fará Campanha da Posse Responsável dos Cães


Prefeitura fará Campanha da Posse Responsável dos Cães
Escrito por  Jornal o Correio

A Prefeitura Municipal de Chapadão do Sul, através da Vigilância Sanitária, lança nos próximos dias a “Campanha da Posse Responsável dos Cães”. O objetivo é conscientizar a população da responsabilidade de cuidar dos animais domésticos.
Segundo os coordenadores da Campanha, muitos proprietários criam seus animais com qualidade de vida, dando alimentação adequada, cuidando da saúde e dando amor e carinho. No  entanto, há outros que os criam sem as mínimas condições, deixando-os soltos nas ruas e abandonando quando vão viajar ou porque estão doentes e velhos; esse é um grande problema no nosso município. Animais soltos, além de serem fontes de doenças infecto contagiosas e Zoonoses como Raiva e Leishimaniose, causam vários transtornos para a população como acidentes e agressões.
A “Campanha Da Posse Responsável “ tem como definição estabelecer um conjunto de deveres que o proprietário deverá ter quando adquirir um animal de estimação: cuidados com alimentação, higiene, vacinação, lazer, assistência veterinária e não soltar na rua. O proprietário é responsável pela saúde e bem estar do animal, que é um direito garantido por Lei Federal n° 9605/Art. 32.
lEIA MAIS

Dona não será indenizada após morte de cão que ingeriu remédio receitado por estagiária


A Justiça entendeu que não há evidências de que a empresa tenha culpa do ocorrido

Estado de Minas
Publicação: 18/04/2013
Uma cabeleireira que processou a clínica veterinária Vida Animal, localizada em Betim, na Grande BH, pela morte de seu cachorro poodle e esperava receber uma indenização, teve o pedido negado pela Justiça. De acordo com o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), a dona do animal, S.F.F , será indenizada apenas no valor pago pela consulta, pois não ficou comprovado que o cachorro tenha morrido por culpa da clínica.

A mulher procurou a clínica em março de 2011, quando o cachorro Brad, de seis meses, estava passando mal. No local, ele foi atendido por uma estagiária que receitou Gardenal em gotas. Depois de não conseguir comprar o produto, já que a receita não tinha o registro profissional de uma médica veterinária, ela voltou a clínica e buscou uma nova receita, com o carimbo e a assinatura de uma veterinária.

LEIA MAIS

Polícia investiga maus-tratos a cachorros em chácara de Valinhos


Oito cães foram encontrados com sinais de desnutrição no Jardim São Luís.
Inquérito foi aberto após denúncia e também reclamações de vizinhos.
Do G1 Campinas e Região

Cães foram encontrados com sinais de desnutrição
(Foto: Marynes Barbosa da Silva/ Arquivo pessoal)
A Polícia Civil de Valinhos (SP) abriu um inquérito para apurar as condições de maus-tratos de oito cachorros que foram encontrados com sinais de desnutrição em uma chácara no Jardim São Luís.

A investigação foi aberta após o registro de um Boletim de Ocorrência. Marynes Barbosa da Silva fotografou a situação, procurou a polícia e também buscou apoio com entidades de defesa de animais. "Eles estão em um lugar muito sujo, com lixo, fezes e materiais de construções. Não tinha ração, nem água, nem nada. Eles estão muito magros, com as costelas à mostra”, disse.

Leia mais

Cachorro espancado ganha um novo lar em Piracicaba


MAUS-TRATOS

Depois de ser espancado por antiga dona, cãozinho chega à cidade
18/04/2013 | André Luís Cia
andre.cia@gazetadepiracicaba.com.br
Foto: Del Rodrigues

Cachorro espancado ganha um novo lar, em Piracicaba


Lágrimas de emoção selaram o final de uma história triste que causou comoção e muita repercussão em toda a região de Piracicaba. Na semana passada, após um empresário de Cordeirópolis, Marcio Ruivo, postar um vídeo de uma agressão de uma senhora de 87 anos a um cão, no YouTube e Facebook, centenas de mensagens de revolta foram postadas na Internet.


Com a grande repercussão na cidade e após as imagens irem para a TV, o caso gerou mais revolta, principalmente entre os vizinhos e internautas. O vídeo de Ruivo foi compartilhado pela ONG Vira Lata, Vira Vida (de Piracicaba). Foi assim que a empresária Alessandra Belluci tomou conhecimento do ocorrido. Imediatamente ela enviou mensagem a Ruivo manifestando o interesse em ficar com o animal.
http://www.rac.com.br/_conteudo/2013/04/especial/bichos_e_pets/50386-cachorro-espancado-ganha-um-novo-lar-em-piracicaba.html

Prefeitura de Campinas trabalha em projeto de recuperação do Corredor das Onças


O projeto leva o nome de "A propriedade rural e o Corredor das Onças: como podemos ajudar".
18/04/2013 |
Foto: Divulgação

Onça parda


Fonte: Site da Prefeitura Municipal de Campinas com edição de Bianca Pissardo, Bichos e Pets


Aconteceu na manhã desta quarta-feira, 17, a apresentação do Projeto  “A propriedade rural e o Corredor das Onças: como podemos ajudar”.
O evento contou com a participação do  vice-prefeito de Campinas, Henrique Magalhães Teixeira, o secretário municipal do Verde e do Desenvolvimento Sustentável, Rogério Menezes, e o subprefeito do distrito de Sousas, Wander Vilalba.


O projeto Corredor das Onças tem por objetivo conectar fragmentos florestais da região de Campinas de modo que permita o deslocamento de mamíferos sem acesso às áreas urbanas, ampliando o controle da fauna e a manutenção da biodiversidade.

Leia mais